sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Reino Unido deteve mais de três mil migrantes no verão passado

Cerca de 40 migrantes foram detidos por dia no verão passado, após atravessarem o canal de França para o Reino Unido, segundo um relatório oficial divulgado hoje, em que se critica a "resposta inadequada" das autoridades britânicas.

© Michalis Karagiannis / Reuter

No relatório da autoridade de inspeção das prisões britânicas (HMIP, sigla em inglês), que inclui dados sobre chegadas habitualmente não divulgados, mostra-se que 3.603 migrantes foram detidos em julho, agosto e setembro no auge da crise migratória no canal da Mancha.

Os migrantes chegaram ao Reino Unido, a partir de Calais (norte de França), escondidos em veículos que fizeram a travessia de ferry, ou em comboios de mercadorias que usam o túnel sob a Mancha.

A maioria ficou detida numa instalação no porto de Dover e os restantes num estabelecimento em Folkestone, nos arredores.

"Não há dúvida de que o aumento na migração foi inicialmente demasiado para as infraestruturas existentes e uma resposta de emergência foi necessária", de acordo com o inspetor-chefe Peter Clarke.

"Foi inaceitável não terem sido criados mecanismos para tratar rapidamente dos processos dos detidos, eficaz e decentemente, ao mesmo tempo que se garantia que os mais vulneráveis, como as crianças, estavam seguros e que as necessidades básicas dos detidos, de comida, repouso e vestuário eram satisfeitas".

No relatório não se indica o número de migrantes que apresentaram pedidos de asilo ou que foram devolvidos.

O ministro da Imigração, James Brokenshire, reconheceu que a utilização de um estabelecimento sobrelotado "era inaceitável" e insistiu que não será usado da mesma fonte no futuro.

"Desde que se realizou esta inspeção, melhorámos as instalações no porto de Dover e continuamos a trabalhar nos planos para abrir um novo centro para processar as chegadas irregulares aos portos de Kent", afirmou.

A imigração é uma das questões dominantes no Reino Unido, que se prepara para um referendo sobre a continuação do país na UE.

O gabinete do primeiro-ministro britânico, David Cameron, alertou hoje que uma saída da UE (Brexit) poderia implicar a criação de campos para acolher migrantes na costa britânica se os controlos fronteiriços do Reino Unido fossem retirados de Calais.

"Se o Reino Unido sair da UE não há qualquer garantia de que aqueles controlos permaneçam no local", disse o porta-voz de Cameron à imprensa no mês passado.

"Se aqueles controlos não ficarem no local, não existirá nada para impedir milhares de pessoas de atravessar o canal durante a noite, chegar a Kent (sudeste de Inglaterra) e pedir asilo", acrescentou.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.