sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Fechar a rota dos Balcãs "não resolve o problema", diz Merkel

A chanceler alemã, Angela Merkel, defendeu hoje, numa entrevista, que o encerramento da rota dos Balcãs para os migrantes "não resolve o problema", considerando que esta situação não é "nem durável nem perene".

© Wolfgang Rattay / Reuters

"Não se resolve o problema aplicando uma decisão unilateral", declarou Merkel, em entrevista à rádio pública alemã MDR.

"Se não conseguirmos alcançar um acordo com a Turquia, então a Grécia não poderá suportar o peso [migratório] por muito mais tempo", afirmou, instando à tomada de uma "decisão que seja correta para todos" os estados-membros da União Europeia.

"É por isso que estou à procura de uma solução europeia real, que é uma solução para todos os 28", sublinhou Angela Merkel.

A chanceler alemã sustentou que, do seu ponto de vista, a decisão unilateral por parte da Áustria, e depois as subsequentemente feitas pelos países dos Balcãs, vai ter consequências: "Vai obviamente trazer-nos menos refugiados, mas vai colocar a Grécia numa situação muito difícil".

"Esta situação não é nem sustentável nem duradoura", realçou.

Lusa

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19