sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

John Kerry confiante sobre as conversações de paz na Síria

O secretário de Estado norte-americano John Kerry disse hoje que representantes dos Estados Unidos e da Rússia discutem neste sábado as violações do cessar-fogo na Síria, mas mostra-se convencido de que as conversações de paz se mantêm.

© Max Rossi / Reuters

"As nossas equipas vão encontrar-se hoje com a delegação da Rússia em Genebra e em Amã, onde vão analisar as alegações [sobre as violações do cessar-fogo], e eu estou a pedir um contacto com o ministro dos Negócios Estrangeiros [da Rússia] Sergei Lavrov ainda para hoje", disse Kerry, referindo-se às denúncias da oposição síria sobre a falta de respeito pelas tréguas que entraram em vigor no final de fevereiro.

O secretário de Estado norte-americano encontra-se de visita a King Khalid Military City, na Arábia Saudita, onde acompanha o processo sírio, visto que a próxima ronda de contactos em Genebra está agendada para segunda-feira.

De acordo com o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, com sede em Londres, os raides aéreos da aviação de Damasco mataram sete civis em Alepo, na sexta-feira.

De acordo com a organização não-governamental, tratou-se da "mais séria violação do cessar-fogo na cidade desde a entrada em vigor das tréguas entre a oposição e o Governo".

Mesmo assim, Kerry, que abordou a questão síria com o rei Salman da Arábia Saudita, está convencido de que as violações ao cessar-fogo firmado a 27 de fevereiro não devem anular as conversações de paz marcadas para o dia 14 de março e que vão ser conduzidas pelas Nações Unidas, em Genebra.

"O nível de violência, de acordo com todos os dados, reduziu 80 ou 90 por cento o que é muito significativo", afirmou Kerry.

"Nós acreditamos que o início das conversações, na próxima semana, em Genebra, representa o momento crítico para a promoção de uma resposta política no contexto das negociações. É um momento que todos esperamos", acrescentou.

Entretanto, o ministro dos Negócios Estrangeiros saudita, Adel al-Jubeir sublinhou que "as pessoas encaram o futuro da Síria sem o presidente Bashar al-Assad".

O afastamento do presidente sírio tem sido abordado de forma constante pela oposição, mas Damasco já deixou claro que rejeita discutir o assunto.

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Síria disse hoje em Damasco que as pressões para o afastamento do presidente Bashar al-Assada continuam a ser uma "linha vermelha" que pode comprometer as conversações de Genebra.

Lusa

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47