sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Seis mil refugiados chegaram a Itália desde terça-feira

Mais de seis mil migrantes atravessaram o Mediterrâneo e chegaram a Itália desde terça-feira, informou hoje a Organização Internacional das Migrações (OIM), alertando que começou a "estação" das travessias.

© Antonio Parrinello / Reuters

Entre terça-feira e hoje, 6.021 migrantes fizeram a perigosa travessia do Mediterrâneo e chegaram à Europa. Só hoje de manhã chegaram 357 pessoas, disse um porta-voz da organização, Joel Millman, à imprensa em Genebra.

A esmagadora maioria chegou a Itália - 5.490 entre terça e quinta-feira e 357 hoje - e apenas 174 à Grécia.

"O pessoal da OIM falou com muitos dos migrantes e determinou que o ponto de partida de todos foi a Líbia. Muitos vêm da África subsaariana e registámos um aumento dos que vêm do Corno de África, em particular da Eritreia", indicou por seu turno, num comunicado, o diretor do gabinete de coordenação da OIM em Roma, Federico Soda.

"Para já, não é possível estabelecer uma relação entre o aumento das chegadas no Mediterrâneo central e o acordo União Europeia-Turquia ou o encerramento da rota dos Balcãs. A maioria das pessoas que chegam da Líbia são africanos, muito poucos sírios vieram da Líbia nos últimos meses", acrescentou.

O porta-voz indicou que, com o aumento das temperaturas que marca o início da "estação" das travessias, a Itália deverá continuar a registar números elevados de chegadas nas próximas semanas.

Desde o início de 2016, 177.200 pessoas chegaram à Europa através do Mediterrâneo, segundo a OIM. Quase 153.500 chegaram à Grécia e mais de 23.170 a Itália.

No mesmo período, 375 pessoas morreram ou desapareceram na rota marítima oriental (para a Grécia e Chipre) e 352 na rota central (para Itália), segundo a organização.

Lusa

  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • ASAE encerra em média um restaurante por dia
    1:33
  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.