sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Angela Merkel e Donald Tusk visitaram campo de refugiados na Turquia

A chanceler alemã e o presidente do Conselho Europeu chegaram hoje ao início da tarde a Gaziantep, no sudeste da Turquia, para tentar aliviar as tensões do acordo entre Ancara e a Europa sobre os migrantes.

© Umit Bektas / Reuters

Acompanhados pelo comissário europeu para a Migração, Frans Timmermans, Angela Merkel e Donald Tusk foram recebidos pelo primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, e visitaram sob fortes medidas de segurança o campo de refugiados em Nizip, pequena cidade próxima da fronteira síria, segundo relatou a agência France-Presse.

Aberto em 2013, o campo de Nizip-2 acolhe em pré-fabricados perto de cinco mil refugiados sírios, entre eles 1.900 crianças, de acordo com dados do governo turco.

Durante a visita, jovens sírios vestidos de branco ofereceram um ramo de flores à chanceler alemã, cercada por dezenas de elementos de segurança.

De acordo com a France-Presse no local, encontrava-se pendurada na entrada do campo uma fita onde se lia: "Bem-vindo à Turquia, o país que abriga o maior número de refugiados no mundo".

Após esta visita, os líderes europeus e Davutoglu inauguraram um centro de proteção de crianças sírias, construído com fundos europeus.

Esta visita dos líderes europeus pretende "mostrar como a Turquia e a União Europeia estão unindo forças para enfrentar a crise dos refugiados sírios", disse fonte da Comissão Europeia, afirmando que até agora foram gastos 77 milhões de euros em diversos projetos na Turquia e que em breve serão adicionados 110 milhões.

A viagem ocorre três semanas após o regresso à Turquia dos primeiros migrantes da Grécia, como parte de um acordo controverso alcançado a 18 de março entre Bruxelas e Ancara para dissuadir a migração ilegal na Europa, que enfrenta a pior crise migratória desde a Segunda Guerra Mundial.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41