sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Polícia Marítima envia nova equipa para a Grécia para ajudar os refugiados

Uma nova equipa da Polícia Marítima parte no domingo para a Grécia e leva na bagagem brinquedos para as crianças que chegam a Lesbos nas embarcações precárias que atravessam o Mediterrâneo.

As novas medidas implicam que só será concedido aos refugiados sírios um visto de residência de um ano e que já não podem reclamar o direito de reunião com as suas famílias na Alemanha. (Arquivo)

As novas medidas implicam que só será concedido aos refugiados sírios um visto de residência de um ano e que já não podem reclamar o direito de reunião com as suas famílias na Alemanha. (Arquivo)

© Alkis Konstantinidis / Reuters

A equipa portuguesa vai integrar a missão da agência Frontex naquela ilha grega, onde têm acorrido milhares de refugiados.

É composta por oito agentes da Polícia Marítima, um técnico para apoio e manutenção das embarcações e outro para a componente elétrica e eletrónica, de acordo com a informação hoje divulgada por aquela força.

A preparação para a viagem terminou na quarta-feira, depois de um treino operacional, exames médicos e aconselhamento psicológico.

A Viatura de Vigilância Costeira (VVC) da Polícia Marítima será usada para detetar, seguir e identificar embarcações, estando igualmente apetrechada para detetar pessoas em condições de visibilidade reduzida.

Esta embarcação opera em coordenação com as embarcações Tejo e Arade, "auxiliando no controlo de fronteiras da União Europeia e no apoio urgente de emigrantes e refugiados, em missões de busca e salvamento", segundo a mesma fonte.

Os agentes levam alguns peluches e outros brinquedos para oferecer às crianças que irão resgatar.

Desde 01 de outubro, data de início da missão, a Polícia Marítima resgatou e transportou para terra, em segurança, 3.105 refugiados e emigrantes que se encontravam em risco de vida, dos quais 823 bebés e crianças e 669 mulheres.

No âmbito destas operações foram detidos cinco "facilitadores" de transporte ilegal de pessoas.

A missão de apoio à Guarda Costeira grega vai manter-se até 30 de setembro, com o objetivo de cooperar no controlo e vigilância das fronteiras marítimas da Grécia e no combate ao crime transfronteiriço.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".