sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

GNR em missão na Grécia resgata 13 migrantes de embarcação de borracha

Militares da Unidade de Controlo Costeiro (UCC) da GNR, em serviço na Grécia, resgataram treze migrantes de uma embarcação de borracha, perto da ilha de Kos, no mar Egeu, na madrugada de 10 de julho, comunicou hoje a organização.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Umit Bektas / Reuters

Os militares da GNR, em missão para a Agência Europeia de Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas dos Estados-Membros da União Europeia (Frontex), detetaram a embarcação através de uma câmara térmica e, numa ação conjunta com a Guarda Costeira Helénica, recolheram doze homens e uma mulher, que não apresentavam ferimentos.

A embarcação partiu da Turquia e foi intercetada no mar Egeu pelas autoridades gregas e portuguesas, quando se dirigia à ilha grega de Kos, indicou a corporação.

A GNR está em missão nas ilhas gregas de Chios e Kos desde o dia 01 de abril, contando com uma equipa de 32 militares encarregada de prevenir movimentos de migrações ilegais, tráfico de seres e humanos e tráfico de drogas.

Desde o início da operação, a GNR resgatou 484 migrantes, percorrendo um total de 4003 milhas náuticas, informou a corporação em comunicado.

Lusa

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC