sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Bebé de 2 meses resgatado em bote com 38 refugiados no Mar Egeu

A equipa da Polícia Marítima, em missão na ilha grega de Lesbos, resgatou este domingo de manhã 38 migrantes e refugiados de um bote que estava à deriva no Mar Egeu e onde seguia um bebé de dois meses.

Em comunicado, a Autoridade Marítima Nacional (AMN) adianta que, durante uma patrulha de controlo de fronteiras da União Europeia, a equipa de resgate portuguesa foi informada que um bote estava à deriva há algumas horas no Mar Egeu devido a uma avaria no motor.

Segundo a AMN, a equipa da Polícia Marítima (PM) deslocou-se imediatamente para junto do bote e decidiu resgatar, o mais rapidamente possível e em segurança, os 38 migrantes e refugiados.

A AMN refere que os migrantes e refugiados estavam "muito nervosos e ansiosos", tendo o vento forte e o mar agitado dificultado a ação de resgate.

Dos 38 migrantes e refugiados resgatas, quatro eram bebés e crianças, um dos quais com dois meses, oito eram mulheres e 26 homens, existindo várias pessoas idosas e duas mulheres grávidas.

Os migrantes e refugiados, oriundos do Afeganistão, Eritreia, Etiópia, Iraque, Paquistão e Síria, foram levados para o porto grego de Skala Sikaminea, onde desembarcaram em segurança e foram apoiados por elementos da guarda-costeira da Grécia, agência europeia FRONTEX e de Organizações Não-Governamentais.

Uma equipa da Polícia Marítima, composta por 13 elementos, está no Mar Egeu, na Grécia, desde 01 de outubro do ano passado, no âmbito de uma operação da Agência Europeia da Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas dos Estados-Membros da União Europeia (Frontex).

A operação, denominada "Poseidon Sea 2015", tem "o objetivo de cooperar no controlo e vigilância das fronteiras marítimas gregas e no combate ao crime transfronteiriço".

Segundo a AMN, a patrulha portuguesa resgatou, até ao momento, 3.532 refugiados e migrantes, 868 bebés e crianças e 766 mulheres, e deteve cinco facilitadores.

A PM vai manter o seu apoio à guarda-costeira Grega até 30 de setembro.

Lusa

  • Madonna diz que América nunca desceu tão baixo
    2:12

    Mundo

    No mundo artístico, foram várias as vozes que se levantaram contra Trump, entre elas Madonna. A cantora disse esta quinta-feira em Nova Iorque, a propósito do dia da tomada de posse, que nunca a América desceu tão baixo. Já o ator Matthew McConaughey - que está em Londres - garantiu que não ia perder a cerimónia pela televisão.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Videoclipe mostra mulheres a fazer tudo o que é proibido na Arábia Saudita
    1:55

    Mundo

    Um grupo de mulheres canta, dança e faz outras coisas proibidas na Arábia Saudita como forma de protesto. O vídeo é uma crítica social à forma como as mulheres islâmicas são tratadas pelos maridos. Na letra constam frases como "Faz com que os homens desapareçam da terra" e "Eles provocam-nos doenças psicológicas". A ideia partiu de um homem, Majed al-Esa e já conta com 5 milhões de visualizações.

    Patrícia Almeida