sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Cerca de 2.300 migrantes socorridos no Mediterrâneo ao largo da Líbia

Cerca de 2.300 migrantes a bordo de 18 embarcações foram este sábado socorridos no decurso da rota em direção a Itália, anunciou a guarda costeira italiana, que coordena as operações nesta zona do Mediterrâneo.

Um navio espanhol envolvido na operação naval europeia Sophia, que tenta impedir o tráfico de pessoas e reprimir os traficantes, um navio militar irlandês e diversas embarcações humanitárias participaram nas operações de socorro iniciadas no início da manhã.

Os migrantes, em que se incluíam mulheres e três crianças, partiram a bordo de 17 barcos pneumáticos e de uma embarcação de pesca.

A partida dos migrantes das costas da Líbia está a ser efetuada de forma crescente por vagas, com uma sucessão de dias calmos e numerosas saídas, em geral determinadas pelas condições do mar e a direção do vento.

No final de agosto, a Itália registou a entrada de 14.000 pessoas em menos de uma semana, na sua maioria originários da África subsaariana.

Recentes estatísticas do Ministério do Interior italiano indicam que o país viu chegar às suas costas 124.500 pessoas desde o início de 2016, num total comparável aos 122.000 registados no mesmo período de 2015.

O crescente afluxo de refugiados, a par dos esforços de identificação e do encerramento das fronteiras a norte, forçou a Itália a alargar a sua rede de estruturas de acolhimento, com 60.000 pessoas albergadas no final de 2014, 103.000 no final de 2015 e 155.000 atualmente.

Lusa

  • Será que lavar em lavandarias self-service compensa?
    8:21
  • "Não se pode voltar atrás, o povo de Deus confirmou a necessidade deste Papa"
    3:15
  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Primeira dama chinesa defende avanços na igualdade

    Mundo

    A primeira dama chinesa, Peng Liyuan, defendeu os avanços da China em matéria de igualdade dos géneros. Uma rara entrevista, difundida numa altura em que feministas chinesas asseguram serem controladas pela polícia face às suas campanhas.