sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Refugiados vão receber uma espécie de "Portugal numa caixa"

Os refugiados acolhidos em território nacional vão receber um "Welcome kit", uma espécie de "Portugal numa caixa", que contém um "guia rápido" sobre a nossa língua, história, direitos, um cartão de telemóvel e até um exemplar da Constituição portuguesa.

O 'kit', hoje apresentado em Guimarães, segundo o ministro-adjunto Eduardo Cabrita faz parte de uma "estratégia singular" na forma de acolher aquelas pessoas, assente numa "grande participação da sociedade civil e na descentralização" e mostra que Portugal "está do lado certo da História" ao responder positivamente ao "desafio de solidariedade" que a questão dos refugiados representa

Aliás, o consenso na questão do acolhimento aos refugiados foi mesmo enaltecido pela vice-presidente da Assembleia da República, Teresa Caeiro, que salientou a "unanimidade" entre as várias forças políticas sobre aquela questão considerando que essa é uma "conquista" de Portugal.

"Esta pequena caixa é uma ideia fora da caixa para que Guimarães seja ponto de partida, ponto de acolhimento para um país que queremos justo e solidário" afirmou Eduardo Cabrita.

"Este é um desafio de solidariedade. Uma Europa da liberdade deve ter capacidade de acolher solidariamente aqueles que vítimas da guerra nos procuram", explanou.

Assim, explicou o governante, aquele 'kit' "permitirá facilitar o acolhimento, apressar a integração, informar aqueles que virão para Portugal, ainda em Itália, Grécia e Turquia" ou seja, resumiu, é um "guia rápido para conhecer Portugal".

No mesmo sentido, a vice-presidente da Assembleia da República salientou que "os refugiados que precisam não só de uma casa mas também de integração" na sociedade.

"É uma forma de dizer bem-vindos a todos os que vem para Portugal, tantas vezes fugidos do perigo, do medo, vindo através do perigo, da dor, do terror mas agora, aqui chegados, sejam muito bem-vindos", disse.

A parlamentar enalteceu ainda o consenso político em torno da questão dos refugiados: "Num parlamento onde existem tantas divergências esta é uma questão unânime, não temos qualquer divergência entre as várias forças políticas no que se refere ao acolhimento de refugiados", disse.

"É uma grande conquista", salientou.

Assim, aos mais de 600 refugiados que já estão em território nacional e aos que para cá se dirigem será entregue uma caixa de papelão com um "leque estilo dicionário" em várias línguas, uma Constituição da República Portuguesa, uma ´pen' com um vídeo informativo, em várias línguas, sobre direitos, liberdades e garantias que o nosso país oferece, uma t-shirt e informação vária sobre Portugal.

Hoje chegaram mais 21 refugiados a Portugal, que se vão juntar aos mais de 600 que já estão acolhidos em 68 municípios, podendo o número de pessoas acolhidas, ao abrigos de programas europeus, alcançar os 5 mil.

Lusa

  • Paulo Macedo pede calma para o bem do banco
    1:45

    Caso CGD

    Paulo Macedo falou pela primeira vez desde que foi eleito o novo Presidente da Caixa Geral de Depósitos e, para o bem do banco público, pediu calma a todos. Passos Coelho veio dizer que a recapitalização da Caixa pode ter de ser feita no verão do próximo ano para salvaguardar o défice deste ano. Já António Costa preferiu não comentar as declarações de Passos e diz que o banco público há muito que precisava de ser recapitalizado.

  • O que aconteceu à menina síria que relatava a guerra no Twitter?
    1:59
  • Youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Reportagem da SIC "Renegados"
    1:27

    Grande Reportagem SIC

    O youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Grande Reportagem SIC "Renegados". Desde ontem já teve 67 mil visualizações no Facebook. Imagine que ia renovar o cartão de cidadão e diziam-lhe que afinal não é português? Mesmo tendo nascido, crescido, estudado e trabalhado sempre em Portugal? Foi o que aconteceu a inúmeras pessoas que nasceram depois de 1981, quando a lei da nacionalidade foi alterada.«Renegados» é como se sentem estes filhos de uma pátria que os excluiu. Para ver, esta quarta-feira, no Jornal da Noite da SIC.