sicnot

Perfil

Descarrilamento na Galiza

Descarrilamento na Galiza

Descarrilamento na Galiza

Dados da caixa negra do comboio estão a ser recolhidos

JOS\303\211 COELHO

Já estão a ser recolhidos dados da caixa negra do comboio luso-espanhol que descarrilou em O Porriño, segundo o Tribunal Superior de Justiça da Galiza. Quatro pessoas morreram, incluindo o maquinista português, e cerca de 50 ficaram feridas.

Última atualização às 15:22

O tribunal de instrução número dois de O Porriño foi encarregado da investigação, e diversos responsáveis judiciais e peritos forenses já se deslocaram ao local do acidente. Os dados vão lançar as pistas para explicar o que aconteceu.

O acidente com o comboio que fazia o trajeto Vigo-Porto aconteceu às 09:25 locais (08:25 em Lisboa) e causou quatro mortos (confirmados pelas autoridades), entre os quais o maquinista (português, segundo as autoridades espanholas) e o revisor, um cidadão espanhol. Pelo menos 49 pessoas ficaram feridas. Entre os feridos há pelo menos três portugueses.

O presidente da CP já avançou que o comboio era espanhol e português. Manuel Queiró adiantou que as causas estão "ainda por apurar", mas salientou que o comboio que descarrilou "estava em perfeitas condições" e que o maquinista "era experiente".

Entretanto, o ministro espanhol do Fomento já disse que o comboio tinha feito uma "grande" revisão em maio e um de rotina, ontem, na cidade do Porto.

Já o Presidente da República enviou as condolências e profunda solidariedade às famílias das vítimas mortais.

O comboio, com 63 passageiros, fazia o trajeto Vigo-Porto partilhado com a Renfe espanhola na linha conhecida com o nome "Celta", inaugurada em julho de 2013.

Com Lusa

  • Samaris suspenso por três jogos

    Desporto

    O internacional grego do Benfica Samaris foi castigado com três jogos de suspensão pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, após ter sido instaurado um auto de flagrante delito por parte da Comissão de Instrutores.

    Em atualização

  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.