sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Tropas iraquianas entram em Tikrit após 10 dias de ofensivas

As forças iraquianas conseguiram esta quarta-feira entrar em Tikrit, na esperança de registarem uma grande vitória contra o grupo "Estado Islâmico" (EI), que tenta atiçar novos fogos no Iraque e na vizinha Síria.

Lançada há 10 dias, a ofensiva das forças do Governo iraquiano para reconquistar Tikrit, que caíra em junho nas mãos dos 'jihadistas', tomou um novo rumo com o avanço 'jihadista' para o norte da cidade.

Lançada há 10 dias, a ofensiva das forças do Governo iraquiano para reconquistar Tikrit, que caíra em junho nas mãos dos 'jihadistas', tomou um novo rumo com o avanço 'jihadista' para o norte da cidade.

© Thaier Al-Sudani / Reuters

Lançada há 10 dias, a ofensiva das forças do Governo iraquiano para reconquistar Tikrit, que caíra em junho nas mãos dos 'jihadistas', tomou um novo rumo com o avanço 'jihadista' para o norte da cidade.

Soldados, agentes da polícia e membros de unidades de mobilização popular, uma força paramilitar composta principalmente por milicianos xiitas, assumiram o controlo de grande parte do bairro de Qadisiyah, mas a situação parece delicada, revelou um idoso a coberto do anonimato, citado pela Agência France Presse.

"Não temos de combater lutadores num frente-a-frente, mas de enfrentar um terreno armadilhado e franco-atiradores", acrescentou, referindo-se às técnicas que os 'jihadistas' aprimoraram de deixar bombas e outros artefactos explosivos nas localidades que têm de abandonar.

A cidade estratégica de al-Alam, ao norte de Tikrit, ficou hoje completamente sob o controlo do governo, segundo a AFP, que descreve ainda estarem dezenas de milhares de homens a enfrentar-se com centenas de 'jihadistas' numa autêntica batalha em Tikrit.

Enquanto isso, cerca de 100 km a oeste de Bagdad, os 'jihadistas' lançaram um ataque em Ramadi, capital da província de Al-Anbar, tendo 12 carros-bomba explodido simultaneamente ao amanhecer nos quatro cantos da cidade, causando pelo menos 17 mortos e 14 feridos.

Al Anbar é uma província estratégica para o grupo EI, pois faz fronteira com a Síria e é maioritariamente habitada por sunitas, muitos dos quais se sentem marginalizados pelo governo iraquiano, dominado pelos xiitas desde a queda de Saddam Hussein em 2003.

Ao redor da capital, pelo menos outras 17 pessoas foram mortas em cinco ataques, incluindo nove em resultado da explosão de um carro-bomba no bairro Hurriya, em Bagdad.

Do outro lado da fronteira, na Síria, o Estado Islâmico lançou hoje uma ofensiva para tentar conquistar a cidade curda de Ras al-Ain (norte), na fronteira com a Turquia, disse o Observatório Sírio dos Humano Direitos, segundo o qual os combates deixaram dezenas de mortos de ambos os lados.

Ras al-Ain está localizada a cerca de 30 km de Tall Tamer, que os 'jihadistas' pretendem tomar para abrir um corredor que una a província de Alep (norte) à fronteira iraquiana e a Mossul.

O nordeste da Síria é estratégico para os 'jihadistas', pois oferece uma passagem para a Turquia e, especialmente, para o Iraque. 
lUSA
  • Iraque lança ofensiva contra Estado Islâmico para recuperar Tikrit
    0:37

    Daesh

    O Iraque lançou uma ofensiva contra o Estado Islâmico, depois de o grupo extremista ter tomado a cidade iraquiana de Tikrit. Cerca de 30 mil militares das forças iraquianas, apoiados por meios aéreos, tentam recuperar a cidade tomada pelos jihadistas. O primeiro-ministro do Iraque, Haider Al-Abadi, explica que o objetivo é libertar a população do domínio do Estado islâmico.

  • "Tempestade de fogo" ameaça habitações em Aldeia Galega
    2:41
  • Pedrógão e o Governo das culpas dos outros

    Opinião

    Depois das revelações do ‘Expresso’ e do ‘i’, o primeiro-ministro e os ministros saíram à rua com uma estratégia muito bem definida: desmentir a existência de listas secretas e centrar as atenções no Ministério Público. Ao mesmo tempo, nas redes sociais, está em curso (mais) uma campanha contra os jornalistas. Os anónimos, com cartão de militante, que escrevem nessas páginas acusam os jornais das “mais rebuscadas teorias da conspiração”. Nada de novo portanto.

    Bernardo Ferrão

  • "Se alguém tem conhecimento de mais vítimas deve comunicar de imediato à PJ e ao MP"
    0:48
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24
  • Como fugir às comissões bancárias
    7:24

    Contas Poupança

    Há muitos casos em que ter uma conta no banco está a dar prejuízo. Os juros são tão baixos e as comissões de manutenção de conta são tão altas que há portugueses que todos os meses perdem dinheiro apenas porque têm dinheiro no banco. O Contas Poupança foi à procura de alternativas.

  • Governo reconhece seca severa no continente desde 30 de junho

    País

    O Governo reconheceu, hoje, a existência de uma situação de seca severa no território continental, desde 30 de junho, que consubstancia um fenómeno climático adverso, com repercussões negativas na atividade agrícola, em despacho publicado hoje em Diário da República.

  • Produtores de maçã de Armamar dizem não ter recebido resposta do Ministério
    2:14

    País

    Os produtores de maçã de Armamar estão preocupados. Parte da produção foi destruída pelo mau tempo. Contudo, duas semanas depois, ainda não há resposta do Ministério da Agricultura aos pedidos de ajuda. Mais de 60 produtores com 800 hectares foram afetados e as árvores atingidas pelo granizo podem não conseguir produzir no próximo ano.

  • Bebé Charlie Grad já não vai receber tratamento nos EUA

    Mundo

    A mãe de Charlie Grad disse esta segunda-feira que o bebé poderia ter vivido uma vida normal, caso tivesse começado a receber tratamento cedo. Já o pai admitiu que o filho não iria viver até ao primeiro aniversário. O bebé foi diagnosticado com uma doença rara e um hospital em Inglaterra pediu permissão para desligar a ventilação artificial e fornecer-lhe cuidados paliativos. O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos aceitou e, até hoje, os pais travaram uma batalha na Justiça para suspender a decisão na esperança de irem tratar o filho nos Estados Unidos da América.

  • Número de mortos em atentado em Cabul sobe para 31

    Mundo

    O número de mortos no atentado com um carro armadilhado atribuído aos talibãs, esta segunda-feira de manhã em Cabul, subiu para 31, aos quais se somam cerca de 40 feridos, de acordo com um novo balanço das autoridades.

  • Pelo menos cinco feridos em ataque na cidade suíça de Schaffhausen

    Mundo

    Pelo menos cinco pessoas ficaram hoje feridas na sequência de um ataque, na cidade suíça de Schaffhausen. De acordo com as autoridades, as vítimas foram atacadas por um homem armado com uma motosserra, que está a ser procurado pela polícia. As autoridades descartaram a hipótese de "ato terrorista".

  • Oposição pressiona Maduro com anúncio de manifestações e greve geral
    1:34