sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Turquia apela à NATO para agir contra "ameaça significativa" do "Estado Islâmico"

A Turquia apelou  a uma ação determinante dos Estados-membros da NATO contra a ameaça "significativa" que o grupo Estado Islâmico (EI) coloca às suas fronteiras.

No passado, a Turquia apelou a criação de uma zona de segurança em território sírio para proteger as suas fronteiras, mas a sugestão foi timidamente acolhida pelos aliados ocidentais. (Arquivo)

No passado, a Turquia apelou a criação de uma zona de segurança em território sírio para proteger as suas fronteiras, mas a sugestão foi timidamente acolhida pelos aliados ocidentais. (Arquivo)

© Reuters Photographer / Reuters

O ministro dos Negócios Estrangeiros turco, Mevlut Cavusoglu, referiu que esta questão será um ponto central da reunião dos chefes da diplomacia da NATO em Antalya (oeste da Turquia) na quarta e quinta-feira. 

"A Turquia é o único Estado-membro da Aliança a possuir fronteiras com o Daesh" na Síria e no Iraque, sublinhou ao utilizar o termo árabe para designar no EI. 

"Não é tolerável que o Daesh esteja nas nossas fronteiras. Isso representa para nós uma ameaça significativa", referiu o ministro turco em conferência de imprensa. 

Cavusoglu congratulou-se com o projeto dos Estados Unidos em treinar e equipar a oposição síria, apesar de considerar "que não é suficiente". 

"Devemos tomar outras medidas", declarou, antes de sustentar que os ataques aéreos também não podem resolver a situação no terreno. 

"Para erradicar o terrorismo devemos atacar as bases do terrorismo", acrescentou sem adiantar pormenores. 

O Presidente turco Recep Tayyip Erdogan sempre insistiu que, na perspetiva de Ancara, a deposição do líder sírio Bachar al-Assad seria a chave para a paz na Síria. 

No passado, a Turquia apelou a criação de uma zona de segurança em território sírio para proteger as suas fronteiras, mas a sugestão foi timidamente acolhida pelos aliados ocidentais. 
Lusa
  • Ataque no Texas foi inspirado no grupo "Estado Islâmico"

    Mundo

    O ataque à exposição de caricaturas de Maomé no Texas parece ter sido "inspirado", mas não "controlado" pelo grupo extremista autointitulado Estado Islâmico, disse esta quinta-feira em conferência de imprensa o secretário da Defesa norte-americano, Ashton Carter.

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.