sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Líder do "Estado Islâmico" no Afeganistão e Paquistão morto em ataque

O chefe do autoproclamado Estado Islâmico (EI) no Afeganistão e Paquistão foi morto na sequência de um ataque de um drone comandado pelos Estados Unidos, afirmaram este sábado as autoridades afegãs.

A ofensiva ocorreu em Achin, distrito próximo da fronteira com o Paquistão, que se tornou um centro para as atividades do autoproclamado Estado Islâmico no Afeganistão. (Arquivo)

A ofensiva ocorreu em Achin, distrito próximo da fronteira com o Paquistão, que se tornou um centro para as atividades do autoproclamado Estado Islâmico no Afeganistão. (Arquivo)

© Stringer Turkey / Reuters

Segundo a agência de inteligência afegã, Hafiz Saeed foi morto na sexta-feira, no leste do Afeganistão, quando "participava numa reunião com outros executivos" do EI.

Hafiz Saeed, ex-comandante dos talibã no Paquistão, foi morto numa operação conjunta de militares afegãos e norte-americanos, disse a agência de inteligência, em comunicado, adiantando que cerca de 30 membros do EI foram mortos.

A ofensiva ocorreu em Achin, distrito próximo da fronteira com o Paquistão, que se tornou um centro para as atividades do autoproclamado Estado Islâmico no Afeganistão.

A morte de Hafiz Saeed é vista como um forte revés para os extremistas do EI, que procuram expandir-se no Afeganistão e no Paquistão.

O porta-voz das tropas dos EUA no Afeganistão confirmou o ataque, mas não especificou a identidade das vítimas.

Lusa

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Milhares de brasileiros protestam na Praia de Copacabana contra Temer
    3:04
  • "Precisamos de uma melhor zona Euro"
    0:30