sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Estado Islâmico afirma ter decapitado refém croata no Egito

O grupo autoproclamado Estado Islâmico (EI) afirmou hoje ter decapitado um cidadão croata de 31 anos sequestrado no mês passado no Egito, publicando nas redes sociais uma imagem do alegado corpo da vítima.

© Umit Bektas / Reuters

Funcionário de uma empresa francesa, Tomislav Salopek foi sequestrado a 22 de julho por um grupo de homens armados não identificados numa estrada a cerca de 22 quilómetros a oeste do Cairo.

Posteriormente, os 'jihadistas' ameaçaram matar o refém croata num prazo de 48 horas caso as autoridades do Cairo não libertassem "as mulheres muçulmanas" detidas em prisões egípcias. O prazo estabelecido pelos extremistas terminou na passada sexta-feira.

A autenticidade da imagem do corpo divulgada através de contas na rede social Twitter conotadas com o grupo extremista ainda não foi verificada.

A imagem publicada foi acompanhada por uma legenda: "Execução de prisioneiro da Croácia -- que tem participado na guerra contra o Estado Islâmico -- depois do prazo expirar".

O rapto deste cidadão croata, e a sua alegada execução, é um caso sem precedentes no Egito, país que está a tentar combater a insurgência 'jihadista' na contestada Península do Sinai.

O sequestro de Tomislav Salopek teve impacto nos cidadãos estrangeiros que trabalham nas multinacionais a operar no território egípcio, bem como revelou que o EI continua com um forte poder de alcance apesar da grande campanha militar internacional, liderada pelos Estados Unidos, contra as posições extremistas.

Os 'jihadistas' do EI, combatentes que iniciaram em junho de 2014 uma grande ofensiva e que se assumem como participantes numa 'guerra santa', proclamaram um "califado" nos vastos territórios que controlam na Síria e no Iraque.

Lusa

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.