sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Homem acusado de planear ataque contra circuito de F1 de Abu Dhabi

Um cidadão dos Emirados Árabes Unidos, cuja mulher foi executada pela morte de um norte-americano, foi acusado de ligações ao grupo extremista Estado Islâmico (EI) e de planear um atentado contra o circuito de Fórmula 1 de Abu Dhabi.

© Thaier Al-Sudani / Reuters

Os media internacionais não foram convidados a assistir à audiência de segunda-feira no Tribunal de Segurança do Estado, onde o acusado, identificado apenas pelas iniciais M. A. H., ouviu a acusação que pesa contra si, referem os jornais dos Emirados Árabes Unidos.

No total, o suspeito responde por sete acusações, incluindo intenção de colocar bombas no circuito, numa loja Ikea na ilha de Yas, e em autocarros de turistas estrangeiros em Abu Dhabi, e de ter planeado ataques contra um base militar norte-americano no país e contra altos responsáveis da federação.

Segundo o Gulf News, que cita os procuradores, o homem tentou juntar-se aos jihadistas do EI no Iraque "mas, como não conseguiu deslocar-se, escolheu trabalhar nos Emirados em apoio à organização terrorista".

O homem rejeitou todas as acusações apresentadas contra e si e queixou-se de ter sido colocado em isolamento durante seis meses após a sua detenção, a 21 de novembro de 2014, indicou o jornal The National.

A sua mulher, Alaa al-Hashemi, de 30 anos, foi executada, a 13 de julho, depois de ter sido condenada à pena capital por ter matado uma professora norte-americana, a 01 de dezembro de 2014, na casa de banho de um centro comercial de Abu Dhabi.

Os Emirados Árabes Unidos, cuja população local não representa mais do que 10% dos habitantes, estão envolvidos, desde setembro de 2014, na coligação internacional que ataca o EI na Síria.

Os ataques imputados aos 'jihadistas' ou a pessoas que se inspiram em grupos extremistas são raríssimos naquela rica monarquia do Golfo que tem uma política de "tolerância zero".

Lusa

  • Biológicos nas escolas e nos telemóveis

    País

    O Governo vai criar o Dia Nacional da Alimentação Biológica e uma estratégia que passa por distribuir produtos biológicos nas escolas e criar uma aplicação móvel para os portugueses poderem localizar unidades de produção ou comercialização de produtos biológicos, segundo a Estratégia Nacional que será hoje apresentada.

  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Novo vídeo do Daesh mostra crianças a treinar para matar
    3:35
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Trump propõe cortes orçamentais para pagar muro

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos está a propor cortes de milhões de dólares no orçamento para que os contribuintes norte-americanos, e não o México, paguem o muro a construir na fronteira entre os dois países.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.