sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Pelo menos 20 membros do Daesh mortos em bombardeamentos aéreos

Pelo menos 20 membros do grupo extremista Daesh foram hoje mortos no decurso de bombardeamentos da aviação russa e do exército sírio contra posições "jihadistas" na região de Palmira, referiu o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

(Arquivo SIC)

(Arquivo SIC)

SIC

O Daesh assumiu em maio de 2015 o controlo desta cidade, situada no deserto oriental e que alberga antigos tesouros e monumentos inscritos no património mundial da humanidade.

Os "jihadistas" cometeram atrocidades no local, designadamente ao decapitarem o antigo chefe das antiguidades, com 82 anos, ao praticarem execuções no teatro antigo e ao destruírem dois templos, incluindo o de Bel, em setembro de 2015, recordou a agência noticiosa France-Presse.

A OSDH, que dispõe de uma vasta série de informadores no terreno, referiu que pelo menos 20 "jihadistas" foram mortos e 50 feridos no decurso de pelo menos 35 ataques aéreos sírios e russos contra bairros da cidade.

Em paralelo, eclodiram combates terrestres entre "jihadistas" e tropas sírias, que parecem preparar-se para uma ampla ofensiva para retomar Palmira.

O Daesh e a Frente al-Nursa, o ramo sírio da Al-Qaida, estão excluídos da trégua anunciada para 27 de fevereiro por russos e norte-americanos, que parece manter-se apesar de violações esporádicas.

Com Lusa

  • Hoje é notícia

    País

    O Parlamento debate o Programa de Estabilidade e o Programa Nacional de Reformas do Governo e recomendações de PSD, BE, CDS-PP e PCP sobre o documento, com objetivos diferentes e que apenas serão votadas na quinta-feira. O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil reúne-se, em Lisboa, com vários Sindicatos Europeus de Tripulantes de Cabine da Ryanair, para debater a atual situação da transportadora. Liverpool e Roma jogam para a final da Liga dos Campeões de futebol

  • Beyoncé e a irmã caem e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Atravessar passadeira com sinal vermelho dá direito a molha na China
    0:56