sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Daesh retira-se da cidade iraquiana de Rutbah

Os "jihadistas" do grupo extremista Daesh retiraram-se hoje de Rutbah, uma cidade na província de Al-Anbar, no oeste do Iraque, informaram hoje o líder político da localidade e um general do exército.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Stringer . / Reuters

"O Estado Islâmico retirou-se de Rutbah, seguindo em direção a Al-Qaim", adiantou à France Presse um general do exército, referindo-se ao reduto 'jihadista' na fronteira com a Síria, no norte da província de Al-Anbar.

Segundo fonte do exército que falou à France Presse sob anonimato, os homens do Daesh começaram a sair daquela localidade na noite de sábado e completaram a sua retirada hoje pela manhã.

O líder político, Imad Ahmed, confirmou que a cidade, a 390 quilómetros de Bagdade, foi libertada: "Os 'jihadistas' [do grupo] Estado Islâmico retiraram-se. Não há nenhum homem armado aqui".

Segundo o responsável, esta retirada é "uma consequência" das derrotas do grupo na província de Al-Anbar, que se materializou com a perda de Ramadi, capital da província, assegurada pelas forças pró-governamentais em dezembro de 2015.

Com Lusa

  • Atacantes de Barcelona "não estão a caminho da nossa fronteira"
    7:00

    Ataque em Barcelona

    O diretor da Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira, no Jornal da Noite, para falar sobre o duplo atentado em Espanha. Luís Neves diz que o nível de ameaça em Portugal, perante os ataques, não foi alterado porque "não se detectou que tenha existido informação que possa colocar o nosso território em perigo". O diretor conta que a unidade esteve em contacto com as autoridades em Espanha, não só durante os ataques, como também depois, e disse que os atacantes não estarão a caminho da fronteira com Portugal.