sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Exército sírio encontra vala comum com 31 corpos na cidade de Palmira

O exército sírio encontrou hoje uma vala comum com 31 cadáveres na cidade de Palmira, que esteve até há dois meses debaixo do controlo do grupo terrorista Daesh.

Hussein Malla

Os soldados, em colaboração com as Forças de Defesa Nacional - milícias pró-governamentais -, encontraram a vala nos arredores do aeroporto de Palmira, situado a Este da província síria de Homs, segundo a agência de notícias oficial síria que, cita uma fonte presente no local.

Entre os cadáveres há um de um menor e outro de uma mulher, e alguns dos corpos estão decapitados e mostram sinais de terem sido torturados, revelou a mesma fonte, a coberto de anonimato.

Já o Observatório Sírio dos Direitos Humanos elevou o número de cadáveres descobertos na vala comum para 65, que assegurou tratarem-se de elementos das forças governamentais assassinados no passado pelos jihadistas.

O exército sírio, apoiado pela aviação russa, recuperou o domínio de Palmira, cujas ruínas greco-romanas são património Mundial da UNESCO, no passado dia 27 de março, depois de esta ter estado sob controlo do Daesh durante dez meses.

Cinco dias mais tarde, as forças de defesa nacional encontraram a noroeste de Palmira uma vala comum com 40 corpos de menores e de mulheres, assassinados pelos extremistas.

Com Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51