sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Desmantelada célula jihadista no sul de Ceuta e em Casablanca

A polícia marroquina desarticulou hoje uma nova célula jihadista constituída por seis membros ativos em Casablanca e em Tetuán e Martil, no sul da cidade espanhola de Ceuta.

O documento, intitulado "Clarificação do hudud" (um conjunto de castigos estabelecidos), foi publicado pelo grupo como uma advertência para aqueles que vivem sob o seu jugo na Síria e no Iraque, de acordo com uma tradução feita pelo Instituto de Investigação dos Media do Médio Oriente (MEMRI), citada pelo diário britânico The Independent na sua edição de hoje. (Arquivo)

O documento, intitulado "Clarificação do hudud" (um conjunto de castigos estabelecidos), foi publicado pelo grupo como uma advertência para aqueles que vivem sob o seu jugo na Síria e no Iraque, de acordo com uma tradução feita pelo Instituto de Investigação dos Media do Médio Oriente (MEMRI), citada pelo diário britânico The Independent na sua edição de hoje. (Arquivo)

© Stringer . / Reuters

Segundo um comunicado do Ministério do Interior de Marrocos, os seis elementos da célula mantêm "estreitas ligações" com os combatentes dos diferentes ramos do Daesh.

Os membros da célula desmantelada estavam a planear viajar até um dos acampamentos controlados pelo Daesh "para receber treino militar antes de voltar a Marrocos e perpetrar atentados terroristas", acrescenta a nota citada pela agência de notícias espanhola, Efe.

O desmantelamento de células terroristas e os posteriores julgamentos dos seus membros são agora quase semanais, e o Departamento Central de Investigações Judiciais (organismo antiterrorista) contabilizou mais de 1.500 marroquinos que integraram o Daesh, excetuando os que se juntaram a outros grupos jihadistas.

Com Lusa

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Itália tenta colocar migrações na agenda do G7 contra vontade dos EUA
    1:45
  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.