sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Atentado de domingo no Iraque fez 213 mortos

GALERIA DE FOTOS

O atentado de domingo no centro de Bagdade fez 213 mortos, revelaram hoje as autoridades iraquianas, num novo balanço. O atentado foi perpetrado com um carro armadilhado que explodiu numa rua do bairro comercial de Karrada, numa altura em que centenas de pessoas faziam compras para a festa muçulmana de Eid al-Fitr, que culmina o mês do Ramadão e se celebra dentro de poucos dias.

© Khalid Al Mousily / Reuters

© Khalid Al Mousily / Reuters

© Khalid Al Mousily / Reuters

© Khalid Al Mousily / Reuters

© Khalid Al Mousily / Reuters

© Khalid Al Mousily / Reuters

O ataque, o que mais mortos fez este ano no Iraque, foi reivindicado pelo grupo extremista Daesh.

No domingo, a União Europeia (UE) reiterou o apoio ao Governo iraquiano na luta contra o Daesh e os seus esforços para estabilizar áreas que têm sido libertadas da organização extremista.

"O atentado suicida com um carro armadilhado efetuado pelo Daesh em Bagdade esta noite (...) teve como alvo cidadãos iraquianos inocentes", disse a alta representante da UE para a Política Externa, Frederica Mogherini.

A União Europeia, sublinhou, está "ao lado do Governo iraquiano na luta contra o Daesh".

"A vitória militar das forças de segurança iraquianas e, sobretudo, a recente libertação de Fallujah, é um importante passo na luta contra o Daesh", sustentou a alta representante da Política Externa e Segurança Comum da UE.

A União, sublinhou Mogherini, continuará a apoiar, em particular o Iraque, nos esforços para estabilizar rapidamente as áreas de que expulsou o grupo terrorista.

Com Lusa

  • 120 mortos em atentados do Daesh em Bagdade
    1:45

    Mundo

    120 pessoas morreram e centenas ficaram feridas em dois atentados em Bagdade, este sábado. O Daesh já reivindicou os ataques dizendo que o alvo principal foi a população shiita. O primeiro-ministro iraquiano foi vaiado quando visitou um dos alvos do ataque na capital iraquiana.

  • Descobertos fósseis que podem provar existência de vida em Marte

    Mundo

    Fósseis com 3,77 mil milhões de anos, dos mais antigos já descobertos, foram identificados por cientistas de vários países na província do Quebec, no leste do Canadá. As descobertas coincidem no tempo com a altura em que Marte e a Terra tinham água líquida à superfície, o que levanta questões sobre a hipótese de vida extraterrestre.

  • As polémicas declarações de João Braga sobre os Óscares

    País

    A Associação SOS Racismo reagiu esta quarta-feira às palavras do fadista João Braga na sua página no Facebook, sobre a cerimónia de entrega dos Óscares, e disse esperar que a Comissão para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial atue de forma exemplar face.

  • "Apelamos ao debate e somos criticados? Então m...."
    0:52
  • Oprah admite candidatar-se à Presidência dos EUA

    Mundo

    A apresentadora norte-americana Oprah Winfrey admitiu, numa entrevista, que a vitória de Donald Trump nas eleições presidenciais de novembro a fez considerar a possibilidade de entrar na corrida à Casa Branca.

  • Temperaturas recorde no "último lugar da Terra"

    Mundo

    A Organização Meteorológica Mundial (OMM) anunciou esta quarta-feira que se registaram nos últimos 37 anos temperaturas altas recorde na Antártida, num local que foi descrito como "o último lugar da Terra".