sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Daesh captura 12 pessoas por posse de parabólicas proibidas

​O grupo radical Daesh capturou 12 pessoas na Síria, por estas não respeitaram a proibição de usar antenas parabólicas no seu autoproclamado califado, informou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

(arquivo)

(arquivo)

A captura ocorreu através de uma campanha que tem por base procurar e registar casas de infratores, considerados todos aqueles que não cumprem a proibição imposta.

O OSDH anunciou que os membros do corpo de segurança dos radicais irromperam em várias casas da periferia da cidade de Al Raga, núcleo defensor do autoproclamado Estado Islâmico na Síria, para procurar pessoas que não entregaram à organização as suas parabólicas, bem como recetores de emissões de televisão por satélite.

As 12 pessoas capturadas foram levadas para uma zona de localização deconhecida, disse hoje o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

No princípio de junho, o Estado Islâmico intensificou a sua campanha para proibir o uso das antenas parabólicas nos territórios sobre o seu controlo, na Síria e no Iraque, porque acredita em "semear rumores e alienar os muçulmanos da sua religião".

Como alternativa, os jihadistas ofereceram aos habitantes nos seus domínios territoriais informação através de "meios islâmicos", estes proporcionados pelo próprio grupo radical.

Estes meios incluem a radio Al Bayan, que emite em vários idiomas, o semanário Al Nabaa e a revista mensal Dabiq, bem como outros produtos audiovisuais que o grupo produz e distribui.

Daesh declarou, em finais de junho de 2014, um califado na Síria e no Iraque, onde conquistou as zonas do norte e centro de ambos os países.

Com Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".