sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Daesh executa 24 civis depois de tomar aldeia no norte da Síria

(Arquivo)

STR

O grupo terrorista Daesh assassinou 24 civis após tomar uma aldeia próxima de Minbej, uma localidade do norte da Síria teatro de combates com uma aliança curdo-árabe, indicou hoje o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

"O Daesh executou, pelo menos 24 civis durante as últimas 24 horas, depois de ter tomado o controlo na quinta-feira da aldeia de Boueir, a dez quilómetros a nordeste de Minbej, na sequência de combates com as Forças Democráticas Sírias (FDS)", de acordo com o OSDH, citado pela agência France Press.

Este ataque de surpresa permitiu ao Daesh controlar, pelo menos, outras três localidades a norte de Minbej depois da retirada das FDS, que agrupam combatentes curdos e árabes apoiados pela coligação internacional liderada pelos Estados Unidos.

A ofensiva pela conquista de Minbej, uma cidade da província de Alepo nas mãos dos jihadistas desde 2014, começou no passado dia 31 de maio.

Depois de um cerco da cidade, as FDS conseguiram tomar o controlo de um setor de Minbej, apesar da forte resistência do Daesh, que tem utilizado combatentes suicidas e viaturas armadilhadas para travar o avanço das forças oponentes.

Antes de ser sitiada, Minbej era o principal ponto de aprovisionamento dos jihadistas desde a Turquia, no caminho para Raqa, a capital de facto do Daesh na Síria, situada mais a leste.


Lusa

  • Os investigadores dos grandes processos
    10:09

    Reportagem Especial

    O Ministério Público está a investigar as suspeitas de terrorismo e a ameaça do Daesh em Portugal. Há vários processos em curso no departamento que investiga a criminalidade mais violenta, mas também os grandes casos de corrupção, como os que envolvem José Sócrates e Ricardo Salgado. Fomos conhecer os êxitos e os entraves das investigações mais mediáticas.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.