sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Forças líbias anunciam tomada de centro de comando do Daesh em Syrte

As forças do Governo da União Nacional líbio (GNA) tomaram esta quarta-feira controlo do centro de comando do Daesh na sua fortaleza de Syrte, anunciou o centro de imprensa do GNA em comunicado.

As forças do GNA entraram a 09 de junho em Syrte -- a 450 quilómetros a leste de Tripoli -- e tinham conseguido isolar o Daesh no centro da cidade. Para as forças do governo da Líbia, os Estados Unidos efetuaram desde o início de agosto ataque aéreos contra alvos 'jihadistas' em Syrte, a pedido do GNA.

"O centro de (conferências de) Ouagadougou está nas nossas mãos", indicou o centro de imprensa do GNA, referindo-se ao complexo que serve o centro de comandos do Daesh.

O hospital Ibn Sina, um estabelecimento adjacente, também foi ocupado pelas forças do GNA que também tinha tomado controlo da cidade universitária mais próxima.

Segundo o porta-voz do centro de imprensa, a libertação total de Syrte será anunciada assim que um certo número de setores da cidade, que ainda estão nas mãos dos 'jihadistas', for ocupado.

"Restam os bairros residenciais 01, 02 e 03 e ainda um complexo de casas perto do mar", disse Reda Issa à agência noticiosa AFP.

Lusa

  • "Joguem à bola"
    1:35

    Desporto

    Cerca de uma centena de adeptos do Sporting esperaram até perto das 3:00 pela chegada da equipa ao estádio de Alvalade. Depois da eliminação da Taça de Portugal, em Chaves, foi necessário o reforço policial para garantir a segurança da comitiva leonina.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Obama encurta pena de delatora do Wikileaks
    1:45
  • Putin sai em defesa de Trump
    2:29

    Mundo

    Vladimir Putin já saiu em defesa de Donald Trump e diz que houve uma tentativa de minar o Presidente eleito dos Estados Unidos, através de um alegado relatório, atribuido à espionagem russa. Putin diz que o relatório é falso.