sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Rússia usa pela primeira vez base iraniana para atacar posições do Daesh na Síria

No ataque aéreo, participaram bombardeiros estratégicos Tu-22M3, iguais ao da imagem, e Su-34, indicou o Ministério de Defesa russo.

© RIA Novosti / Reuters

Bombardeiros russos estacionados na base aérea iraniana de Hamadan, no oeste do Irão, atacaram hoje posições de extremistas islâmicos na Síria, informou o ministério da Defesa russo.

No ataque aéreo, o primeiro lançado pela Rússia a partir de território iraniano, participaram bombardeiros estratégicos Tu-22M3 e Su-34, indicou o ministério em comunicado.

Os aviões russos concentraram os ataques nas províncias de Alepo, Deir Ezzor e Idleb, onde destruíram cinco grandes arsenais, um campo de treino, três postos de comando e mataram "um grande número de guerrilheiros", acrescentou.

Os bombardeiros foram acompanhados na missão por caças russos, que saíram do aeródromo sírio de Khmeimim.

"Todos os aviões russos regressaram às bases depois de terminarem a missão com êxito", disse um porta-voz da Defesa à agência noticiosa russa Interfax.

O destacamento dos aviões russos na base de Hamadan vai permitir aos bombardeiros, que anteriormente partiam do sul da Rússia, reduzir em 60% o tempo de voo até aos objetivos e aumentar a carga de bombas.

A distância entre a base de Hamadan e a zona central da Síria é de cerca de 900 quilómetros.

De acordo com um órgão de comunicação libanês, a Rússia tem pelo menos três bombardeiros estratégicos destacados na base iraniana.

Na passada semana, os bombardeiros estratégicos russos efetuaram três ataques contra as posições do Daesh em várias regiões sírias.

Lusa

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura ao Governo

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC

  • A cadela que desistiu da CIA para ir "perseguir esquilos e coelhos"

    Mundo

    Nem todos os cães têm aptidão para combater o crime. Este é o caso de Lulu, uma cadela que estava a treinar para ser agente da CIA, mas que acabou por entrar na reforma ainda durante os treinos. Através do Twitter, a agência norte-americana anunciou na semana passada que Lulu já não iria treinar mais e que tinha sido adotada pelo agente que a treinava.

    SIC

  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC