sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

EUA afirmam ter matado chefe da propaganda do Daesh

O ministro da informação do Daesh, Wa'il Adil Hasan Salman al-Fayad, foi morto na semana passada num bombardeamento aéreo, indicou esta sexta-feira o porta-voz do Pentágono, Peter Cook.

O ataque, revelou o porta-voz, citado pela agência noticiosa AFP, deu-se a 7 de setembro, mas só foi comunicada esta sexta-feira a morte do chefe de propaganda do Daesh, Wa'il Adil Hasan Salman al-Fayad, também conhecido por Dr. Wa'il.

De acordo com o Pentágono, o membro do Daesh tinha "supervisionado" a produção de vídeos mostrando tortura e execuções de vários reféns, e era também um "colaborador próximo" do porta-voz do grupo jihadista, Abu Mohamed al-Adnani, morto no final de agosto.

Com Lusa

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06