sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Daesh reivindica ataque contra xiitas em Cabul

O Daesh reivindicou esta quarta-feira um dos atentados perpetrados na terça-feira à noite em Cabul e que mataram pelo menos 17 peregrinos que celebravam a Ashura, a mais importante festa do calendário xiita.

"O Estado Islâmico da província de Khorasan reivindica o ataque contra peregrinos xiitas na mesquita de Karte Sakhi, em Cabul, no dia da Ashura", declarou o grupo num comunicado detetado pelo portal da Internet especializado em monitorizar redes radicais "SITE Intelligence Group".

O texto refere que "o combatente Ali Jan" devastou o local do atentado "com uma arma automática e granadas, antes de ativar o seu colete de explosivos".

O balanço do ataque referido no texto é de 14 mortos, inferior aos 17 contabilizados pelo Ministério do Interior afegão. O texto não faz qualquer referência, por outro lado, a um segundo ataque perpetrado simultaneamente numa outra mesquita xiita da capital do Afeganistão.

Segundo o porta-voz do Ministério do Interior, Sediq Sediqqi, o primeiro ataque foi perpetrado por "um atacante vestido como um militar que abriu fogo" sobre os peregrinos. "No mesmo momento, um segundo homem entrou numa mesquita próxima, em Karte Char, e fez reféns".

Em ambos os casos, os atacantes foram "abatidos pelas forças especiais", disse o porta-voz.

Lusa

  • Aviação russa matou mais de 11 mil pessoas na Síria

    Mundo

    Pelo menos 11.612 pessoas morreram na Síria em resultado dos bombardeamentos da aviação russa, aliada do Governo de Damasco, iniciados em 30 de setembro de 2015, de acordo com dados publicados hoje pelo Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

  • Mais de 500 casos de sarampo na Europa este ano, avisa OMS

    Mundo

    Mais de 500 casos de sarampo foram reportados só este ano na Europa, afetando pelo menos sete países, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Em Portugal, a OMS reconheceu oficialmente a eliminação do vírus do sarampo no verão do ano passado.