sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Polícia turca mata presumível terrorista suicida do Daesh

A polícia turca matou hoje, em Ancara, um presumível membro do grupo extremista Daesh que supostamente planearia fazer-se explodir num atentado, informou a agência noticiosa pró-governamental Anadolu.

A ação teve lugar durante uma rusga a uma casa onde estava escondido o presumível terrorista suicida por volta das 03:00 (01:00 em Lisboa).

Os agentes antiterroristas exigiram ao suspeito que se rendesse, mas este respondeu com disparos, a partir do interior da habitação.

O governador de Ancara, Ercan Topaca, indicou que o suposto jihadista foi avistado por três vezes perto do mausoléu de Mustafa Kemal Ataturk e a dar voltas em torno do antigo edifício do parlamento, pelo que a polícia decidiu seguir o homem, considerando o seu comportamento suspeito.

As autoridades acreditam que planeava um atentado para o próximo dia 29, Dia da República, ou para 10 de novembro, data da morte de Ataturk, o fundador da Turquia moderna.

Lusa

  • Meryl Streep mais uma vez candidata a um Óscar

    Óscares 2017

    Aos 67 anos, Meryl Streep soma mais uma nomeação para aqueles que são os prémios mais cobiçados de Hollywood. A atriz foi nomeada pela interpretação em "Florence, Uma Diva Fora de Tom". Esta é vigésima vez que a Academia reconhece o trabalho da atriz, que já levou o Óscar para casa três vezes.

    Miguel Domingos

  • Polanski recusa presidir aos "César" por caso de violação em 1977
    1:55

    Cultura

    Roman Polanski já não vai presidir à cerimónia dos prémios César, o equivalente aos Óscares em França. A decisão de se afastar foi tomada esta terça-feira pelo próprio cineasta, na sequência da polémica em que se viu envolvido assim que foi convidado. Em 1977, Polanski foi acusado de ter violado uma adolescente de 13 anos, na Califórnia, declarando-se culpado. O realizador foi agora pressionado por associações feministas, redes sociais e pela ministra francesa dos direitos das mulheres. O diretor do Festival de Cannes Thierry Fremaux diz que falou com o realizador e acha que não é necessário "adicionar mais problemas ao problema".

  • Marcelo quer fazer mais e melhor
    0:48
  • "Andem lá com isso!"
    0:42
  • "A Miss Helsínquia é a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza"

    Mundo

    Sephora Lindsay Ikabala venceu o concurso Miss Helsínquia 2017 e, desde então, tem vindo a ser insultada e criticada nas redes sociais. A nigeriana de 19 anos vive na cidade desde criança. "A Miss Helsínquia é literalmente a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza", é apenas um dos muitos comentários que circula nas redes sociais.