sicnot

Perfil

Daesh

"É um drama para a polícia e para o país"

"É um drama para a polícia e para o país"

O porta-voz do Ministério do Interior de França, Pierre Henry Brandet, explicou como decorreu a atuação da polícia nos momentos que se seguiram ao tiroteio em Paris.

  • "Há um reforço substancial da polícia"
    2:47

    Mundo

    Cândida Pinto está em Paris, onde falou em direto para a SIC Notícias sobre o tiroteio desta quinta-feira na capital francesa, que fez pelo menos dois mortos. A jornalista da SIC diz que há "um reforço substancial da polícia" e que várias estações de metro foram encerradas.

  • Trump fala de "novo ataque terrorista" em França
    0:26

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos afirmou esta quinta-feira que o tiroteio ocorrido esta noite nos Campos Elísios, em Paris, que provocou pelo menos dois mortos, "parece outro ataque terrorista" e enviou as suas condolências "ao povo de França"."

  • Testemunha descreve momentos de pânico em Paris
    0:38

    Mundo

    Uma testemunha do tiroteio desta quinta-feira em Paris conta os momentos de pânico vividos dentro de uma loja nos Champs-Élysées a escassos metros do local tudo aconteceu. O homem descreve o momento em que o atacante aparece com uma Kalashnikov e começou a atacar.

  • Segundo atacante de Paris terá fugido
    5:25

    Mundo

    Nuno Rogeiro esteve em direto para a SIC Notícias, onde falou sobre o tiroteio desta quinta-feira em Paris, que fez pelo menos dois mortos, um polícia e um dos atacantes. O comentador da SIC fala em dois atacantes, um abatido e o outro terá fugido. Nuno Rogeiro diz ainda que o tiroteio acontece no mesmo dia em que a França participou em duas operações, na Síria e no Iraque, que abateram dois dos principais comandantes do Daesh. Na possibilidade de ter sido um assalto, o comentador afirma que França tem alguns dos gangues "mais violentos de criminalidade organizada".

  • Militares da revolução denunciam corrupção nos órgãos de poder
    3:22

    País

    O presidente da Associação 25 de Abril acusa a classe política de não ter interesse em travar a corrupção em Portugal. Vasco Lourenço e Otelo Saraiva de Carvalho, dois dos militares da revolução, consideram que a corrupção está entranhada nos órgãos de poder e deve ser denunciada.

  • "Está prevista mais uma melhoria do rating para breve"
    2:46
  • Fábrica na Covilhã vai produzir para marcas de luxo
    1:47

    Economia

    A Covilhã foi a cidade portuguesa escolhida para a instalação de uma nova fábrica de produção de peças para marcas de luxo. O Grupo FM Industries Sycrilor vai reforçar o investimento na cidade e será responsável pelo polimento de metais para as marcas Louis Vuitton e Cartier.