sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Daesh reivindica ataque no Serviço Federal de Segurança russo

Reuters TV

O grupo extremista Daesh reivindicou o ataque que causou esta sexta-feira duas mortes nas instalações do Serviço Federal de Segurança (FSB) em Kharabovsk, no extremo oriente russo.

De acordo com o centro americano de fiscalização das páginas da 'internet' do Daesh, "Site", o órgão de propaganda do grupo extremista, "Amaq", publicou um pequeno texto em árabe na rede social "Telegram" no qual faz referência a uma "fonte de segurança" que reivindicou o ataque.

No texto traduzido para inglês pelo "Site", a mesma fonte disse que o ataque provocou três mortos e alguns feridos.

O FSB russo explicou que um invasor entrou nas instalações do Serviço, às 17:02 locais (08:02 em Portugal), antes de matar um agente do Serviço e um visitante e ferir outro.

"O agressor foi eliminado", disse o FSB em comunicado.

"A identidade do criminoso foi estabelecida, é um habitante da região de Khabarovsk, que nasceu em 1999. As informações apontam para que pertença a um grupo neonazi", disse o FSB noutro comunicado, citado pelas agências noticiosas russas.

O tiroteio aconteceu um dia depois de um ataque nos Campos Elísios, em Paris, durante o qual um polícia foi morto e três pessoas ficaram feridas, incluindo dois polícias, e que foi reivindicado pelo Daesh.

Lusa

  • Captura ilegal de cavalos-marinhos na Ria Formosa
    3:02

    País

    Há cada vez menos cavalos marinhos na Ria Formosa. Cientistas da Universidade do Algarve dizem que a maior população desta espécie no mundo, que é a que existe na Ria Formosa, está ameaçada devido à captura ilegal para o mercado asiático. Dizem que, se nada for feito para travar este fenómeno, esta espécie protegida pode desaparecer em poucos anos.