sicnot

Perfil

Eleições em Espanha

Eleições em Espanha

Eleições em Espanha

Mariano Rajoy reclama "direito de governar"

O líder do Partido Popular, Mariano Rajoy, vencedor das eleições de hoje em Espanha, reclamou "o direito de governar" e prometeu estar "à altura das circunstâncias", afirmando que o objetivo principal é "ser útil a 100% dos espanhóis".

© Marcelo del Pozo / Reuters

"Ganhámos as eleições, reclamamos o direito de governar. Agora o que se trata é de ser 100% útil a todos os espanhóis, os que votaram em nós e os que não votaram. Estamos à disposição de todos", declarou Mariano Rajoy, num discurso a partir de um palanque onde se lia em letras garrafais "Gracias" (obrigado).

O líder conservador foi recebido aos gritos de "Presidente, Presidente" (presidente do Governo) e começou o seu discurso com a expressão "Sim, é possível", mensagem repetida pelos milhares de apoiantes.

"Somos espanhóis, com muita honra e orgulho, e defendemos os interesses gerais dos espanhóis acima de qualquer outra consideração. E este partido merece respeito", disse, num discurso que foi frequentemente interrompido pela multidão, com cânticos como "E viva Espanha" ou "Campeões, campeões".

Espanha vive "uma situação difícil" e tem "à sua disposição um instrumento muito importante que nunca irá falhar, nem a Espanha nem aos espanhóis, votem em quem votarem, e que é o Partido Popular", afirmou Rajoy.

"A partir de amanhã teremos de começar a falar com todos e assim o faremos", garantiu.

Lusa

  • O primeiro eclipse solar do ano
    0:57
  • O Nokia 3310 está de volta
    1:16