sicnot

Perfil

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Hillary Clinton vence últimas primárias democratas em Washington DC

A ex-secretária de Estado norte-americana Hillary Clinton venceu na terça-feira o último escrutínio das primárias democratas, em Washington DC, capital dos Estados Unidos.

© Aaron Josefczyk / Reuters

Clinton ganhou com 78,7% dos votos em Washington DC, de acordo com os resultados preliminares quando estavam contados 65% dos votos.

Hillary Clinton tinha, na semana passada, já atingido o número de delegados necessários para ser designada candidata do democrata à Casa Branca na convenção do seu partido, em Filadélfia, entre 25 e 28 de julho.

No total, as primárias ou 'caucus' (assembleias de voto) são organizadas nos 50 estados norte-americanos, em cinco territórios (como Porto Rico) e em Washington DC, que tem um estatuto jurídico diferente.

Os democratas no estrangeiro também são consultados. Hillary Clinton venceu 34 das 57 votações.

As eleições presidenciais nos Estados Unidos são em novembro.

Lusa

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.