sicnot

Perfil

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Procuradora-geral dos EUA diz que não interferirá em caso de e-mail de Clinton

A procuradora-geral dos Estados Unidos disse hoje que seguirá as decisões do FBI e do ministério público sobre um eventual processo judicial contra a pré-candidata presidencial Hillary Clinton por usar o e-mail pessoal enquanto era secretária de Estado.

© Rick Wilking / Reuters

"As recomendações serão analisadas por supervisores e pelo diretor do FBI (polícia federal), e eles transmitir-mas-ão, e eu tenho a certeza de que aceitarei essas recomendações", disse Loretta Lynch numa conferência em Aspen, Colorado.

O anúncio feito por Lynch surgiu depois de o seu encontro imprevisto com o ex-presidente Bill Clinton no aeroporto de Phoenix, no Arizona, esta semana, ter desencadeado uma tempestade política, com os republicanos a argumentar que o encontro comprometeu a integridade da investigação.

Lynch declarou ser "importante deixar claro que aquele encontro com o Presidente Clinton não é relevante para a forma como o caso será avaliado, resolvido e aceite" por si.

Mas rapidamente reconheceu que o encontro deu azo a más interpretações, que o pré-candidato presidencial republicano Donald Trump logo classificou como prova de um sistema "totalmente manipulado" em Washington.

"Entendo como as pessoas o interpretaram", disse a procuradora-geral.

"É claro que não o faria novamente, porque penso que lançou uma sombra" sobre a investigação, acrescentou.

Loretta Lynch quis também esclarecer que como nomeada política não vai interferir no processo legal relacionado com a investigação Clinton, e que a integridade do departamento de Justiça será mantida.

Hillary Clinton, a pré-candidata presidencial democrata, que poderá tornar-se a primeira mulher Presidente dos Estados Unidos, admitiu o erro e pediu desculpa por ter usado exclusivamente uma conta privada de e-mail e um servidor instalado em sua casa durante o seu mandato como secretária de Estado, entre 2009 e 2013.

Mas o escândalo persegue sua campanha há mais de um ano e tem contribuído para as preocupações dos eleitores de que ela não é digna de confiança.

Lusa

  • O ano "saboroso" de António Costa
    0:51

    País

    António Costa diz que 2017 foi um ano "saboroso" para Portugal. Num encontro com funcionários portugueses, em Bruxelas, antes do Conselho Europeu desta quinta-feira, o primeiro-ministro realçou o que o país conquistou no último ano, no plano europeu, e que culminou com a eleição de Mário Centeno para a Presidência do Eurogrupo.

  • Lince ibérico esteve à venda no OLX

    País

    Um anúncio de venda de um lince ibérico, por 1.500 euros, foi publicado esta semana no site de classificados OLX, com uma morada de Alcoutim, no Algarve. A autenticidade da publicação não foi confirmada, mas em setembro foi encontrada a coleira de um lince ibérico precisamente em Alcoutim. As autoridades estão a investigar.

    SIC

  • Estabilização dos solos nas áreas ardidas
    1:58

    País

    Está a começar uma intervenção de emergência para estabilizar os solos nas áreas ardidas nos incêndios florestais. O trabalho das equipas que estão no terreno arrancou na zona da Lousã mas vai passar por vários concelhos como Pampilhosa da Serra e Vila Real.