sicnot

Perfil

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Obama alerta para "falta de preparação" de Trump em política estrangeira

© Carlos Barria / Reuters

O Presidente dos Estados Unidos da América (EUA) alertou hoje para a "falta de preparação" demonstrada pelo candidato presidencial Donald Trump em política estrangeira, citando as suas recentes propostas sobre a NATO.

O candidato republicano à Casa Branca disse, numa entrevista ao jornal New York Times, que se os países bálticos, que são membros da Organização do Tratado Atlântico Norte (NATO na sigla em inglês), fossem atacados pela Rússia, só decidiria a intervenção dos EUA depois de ter verificado que aqueles países "tinham respeitado as suas obrigações".

"Há uma enorme diferença entre incitar os nossos aliados a cumprir os seus compromissos em termos de despesa para a defesa e dizer-lhes: 'sabem, poderemos não respeitar o compromisso central da aliança mais importante da história'", explicou Barack Obama, numa entrevista hoje divulgada pela CBS.

Um dos princípios da NATO estipula que um ataque contra um dos seus membros é um ataque ao conjunto dos aliados, um ponto que os EUA invocaram depois dos atentados de 11 de setembro de 2001 e que justificou a intervenção da organização no Afeganistão.

Recordando que aquele princípio é a "pedra angular" da política estrangeira norte-americana desde a Segunda Guerra Mundial, qualquer que tenha sido o Presidente, Barack Obama defende que as propostas do candidato republicano demonstram a sua falta de conhecimento nesta área.

"Não ter compreensão ou conhecimento suficientes para dizer que a América poderia não cumprir o seu compromisso solene de proteger os aliados que estiveram do nosso lado depois do 11 de setembro (...) demonstra a [sua] falta de preparação em matéria de política estrangeira", salientou.

Na quinta-feira, o responsável da NATO Jens Stoltenberg já tinha reagido às declarações de Donald Trump dizendo que "a solidariedade" é "um valor essencial" da aliança atlântica.

Lusa

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.