sicnot

Perfil

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Hillary Clinton à frente de Trump nas intenções de voto

A candidata democrata à Presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, bate o seu rival republicano Donald Trump nas intenções de voto, com 50% contra 45%, numa sondagem divulgada esta terça-feira pela NBC News, com estes dois nomes.

Quando se incluem os candidatos minoritários do Partido Libertário, Gary Johnson, que recolhe 10%, e do Verde, Jill Stein (4%), a ex-secretária de Estado mantém a vantagem de cinco pontos percentuais, com 45% contra 40%.

Na semana passada, esta mesma sondagem dava 48% a Clinton e 44% a Trump.

A vantagem de Clinton aumenta para seis pontos percentuais (49%-43%), quando se pergunta aos votantes registados, que na semana passada davam à democrata quatro pontos de avanço sobre Trump.

Esta última sondagem foi realizada entre 12 e 18 de setembro entre votantes registados e potenciais, com uma margem de erro estimado em 1,2%.

A recuperação de Clinton nesta sondagem mais recente ocorreu depois de a candidata democrata ter regressado aos atos de campanha e voltado a aparecer em público, passados os três dias em que esteve recolhida a recuperar de uma pneumonia que lhe provocou um desfalecimento em 11 de setembro.

Lusa

  • As zonas de guerra que o fogo deixou
    3:13

    País

    A chuva finalmente ajudou na luta contra as chamas e o que fica agora é um cenário de devastação no norte e centro do país. Morreram 37 pessoas, arderam centenas de casas e empresas e há críticas severas à falta de meios.

  • O mapa das vítimas dos incêndios
    1:19

    País

    Aumentou para 37 o número de mortes na sequência dos fogos que assolaram a zona Centro do país desde o fim de semana. Feridos são pelo menos 71. Atualizamos aqui o mapa, segundo o último balanço da Proteção Civil.

  • Visto do céu, Portugal é um país que se vestiu de negro
    3:28
  • "Temos que cuidar dos feridos, temos que recuperar os territórios"
    1:02

    País

    O primeiro-ministro disse hoje que, depois das chamas apagadas, agora é o tempo de passar das palavras aos atos, de decidir e executar. Após uma visita a feridos dos incêndios, em Coimbra, António Costa confirmou que o Conselho de Ministros do próximo sábado vai transformar em medidas as recomendações feitas pela comissão técnica independente.

  • Homem morreu ao tentar salvar animais das chamas
    2:30
  • "Estou a ficar sem água, vai ser um trabalho inglório"
    1:06