sicnot

Perfil

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Eleições EUA 2016

Obama aconselha Hillary a ser ela mesma no primeiro debate

O Presidente dos Estados Unidos, o democrata Barack Obama, aconselhou esta sexta-feira a candidata presidencial do Partido Democrata Hillary Clinton a ser "ela mesma" no primeiro debate televisivo com o rival republicano Donald Trump.

O primeiro dos três debates presidenciais previstos está agendado para a próxima segunda-feira (dia 26 de setembro) e será realizado na Universidade Hofstra em Long Island (Nova Iorque).

O debate entre os dois principais candidatos nas eleições presidenciais de 08 de novembro deverá bater recordes de audiências e irá ser analisado exaustivamente.

"Fiquei a conhecer Hillary, vi o seu trabalho e vi-a em momentos difíceis e em momentos fáceis", declarou o chefe de Estado norte-americano à estação ABC News a propósito da sua antiga secretária de Estado.

Os Estados Unidos, sublinhou Obama, nunca teve uma mulher na Presidência e Hillary Clinton "vai derrubar certas barreiras".

"Existe um nível de desconfiança e uma caricatura dela que não enquadra com a pessoa que conheço, uma pessoa que se preocupa profundamente com as crianças", disse.

"Ela é motivada por um profundo desejo de melhorar as coisas", insistiu Obama.

Quando questionado sobre qual seria o seu conselho para a candidata democrata, muito experiente ao nível de cargos políticos mas que suscita pouco entusiasmo junto do eleitorado, para o debate de segunda-feira, Barack Obama respondeu: "Seja ela mesma e que explique aquilo que a motiva".

A 46 dias das eleições presidenciais, a votação antecipada nos Estados Unidos já começou e cerca de 6.000 americanos já fizeram a sua escolha, segundo noticiou hoje a publicação norte-americana The Atlantic, que precisou que em algumas partes do estado do Wisconsin a votação antecipada começou na segunda-feira.

O título norte-americano referiu igualmente que vários milhões de eleitores já pediram os respetivos 'absentee ballots', os boletins de voto para eleitores que não podem comparecer pessoalmente nas assembleias de voto no dia das eleições.

Por exemplo, os eleitores dos estados do Minnesota e da Virgínia que já tenham o respetivo 'absentee ballot' poderão entregar o seu voto a partir de hoje.

Outros estados, nomeadamente alguns dos chamados "swing states" (estados que não têm uma tendência de voto definida e que são fortemente disputados e que podem decidir uma eleição) como Florida, Ohio, Iowa e Carolina do Norte, começaram a receber os pedidos para estes boletins de voto para eleitores ausentes.

Lusa

  • Cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se em Lisboa
    3:55

    Economia

    Perto de cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se esta sexta-feira, em Lisboa. Os números são avançados pelos sindicatos. Os trabalhadores contestam a transferência de funcionários para empresas parceiras da Altice e outras empresas do grupo, sem as mesmas garantias e direitos. A Altice garante que as transferências são legais mas alguns funcionários já levaram o caso a tribunal.

  • Uma viagem aérea pela Lagoa Negra
    1:02
  • Videovigilância regista impacto de sismo na Grécia

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6.7 atingiu na quinta-feira o mar Egeu e causou pelo menos dois mortos e mais de 200 feridos. O momento e o impacto causado pelo abalo foram registados através de uma câmara de videovigilância de um café, na ilha grega de Kos, um dos locais mais afetados.

  • A sátira a Sean Spicer no Saturday Night Live
    1:36

    Mundo

    O estilo de Sean Spicer foi controverso desde o início. A relação conflituosa do ex-assessor da Casa Branca com os jornalistas foi muitas vezes satirizada na comunicação social. Um exemplo é um momento do Saturday Night Live, protagonizado pela atriz Meliissa McCarthy.

  • Músico indiano toca guitarra durante cirurgia ao cérebro

    Mundo

    Abhishek Prasad foi submetido a uma cirurgia ao cérebro esta quinta-feira, num hospital na cidade indiana de Bangalore, após anos e anos a sofrer de dolorosos espasmos nas mãos. O insólito do caso foi que o músico indiano teve de tocar guitarra para ajudar os médicos durante a intervenção cirúrgica.