sicnot

Perfil

Eleições França 2017

Sete em cada dez franceses querem que Fillon abandone a corrida à presidência

© Christian Hartmann / Reuters

Sete em cada dez (70%) franceses defendem que o candidato da direita à presidência, François Fillon, deve retirar-se da corrida, devido ao alegado desvio de fundos públicos, segundo uma sondagem divulgada esta sexta-feira.

Há uma semana, 60% dos inquiridos defendiam que o ex-primeiro-ministro devia desistir da candidatura, segundo a sondagem do instituto Odoxa para a emissora France Info.

Mesmo entre os inquiridos que dizem ser de direita, 61% afirmam que Fillon deve abandonar a corrida.

Fillon está a ser investigado depois de o semanário satírico Le Canard Enchaîné ter noticiado que, enquanto deputado, criou um emprego fictício para a mulher, Penelope Fillon, e para dois dos filhos, que lhes permitiu receber centenas de milhares de euros de fundos parlamentares.

Na segunda-feira, Fillon deu uma conferência de imprensa na qual pediu "perdão por ter cometido o erro de trabalhar com familiares, privilegiando uma colaboração de confiança", mas negou que os empregos fossem fictícios.

Na sondagem divulgada esta sexta-feira, 79% dos inquiridos - e 61% dos simpatizantes de direita - disseram não ter ficado convencidos com as explicações do candidato.

Além disso, 74% dos inquiridos tem má opinião de Fillon, mais 29 pontos percentuais que em novembro.

Se Fillon vier a decidir desistir, um em cada dois inquiridos considera que deve ser substituído na corrida por Alain Juppé, que Fillon derrotou nas primárias da direita, 15% preferem o ex-ministro François Baroin e 13% o presidente da região norte, Xavier Bertrand.

Antes do caso revelado a 26 de janeiro pelo Canard Enchaîné, François Fillon era um dos favoritos às presidenciais e as sondagens colocavam-no como provável adversário da líder da extrema-direita, Marine Le Pen, na segunda volta.

Segundo uma sondagem do instituto Ifop publicada na terça-feira, a segunda volta vai ser disputada entre Marine Le Pen e Emmanuel Macron.
As presidenciais de França estão marcadas para 23 de abril e 7 de maio.

Lusa

  • Hoje o Primeiro Jornal está em Leiria
    1:13
  • Segunda vaga de incêndios queimou 28 mil hectares
    1:09

    País

    A segunda vaga de fogos que assolou o país queimou 28 mil hectares do território nacional, em apenas cinco dias. Segundo o Sistema Europeu de Incêndios, a área ardida equivale a quase três concelhos de Lisboa.

  • Bigode de Salvador Dalí está intacto, às "10 para as 10"

    Cultura

    O corpo do pintor surrealista catalão foi ontem exumado no Teatro-Museo de Figueres, por ordem de um tribunal de Madrid, para um exame de determinação de paternidade de Pilar Abel, que alega ser filha do artista. O pintor que morreu há 28 anos foi embalsamado e mumificado pelo que o corpo continua preservado e o famoso bigode levantado.

  • Mulher do primeiro-ministro japonês "é uma mulher fantástica mas não fala inglês"
    0:35

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos falou pela primeira vez sobre o segundo encontro que manteve com Vladimir Putin, durante a Cimeira do G20, em Hamburgo. Donald Trump explica que a conversa com o Presidente russo resultou de uma troca de lugares durante um jantar. Trump ficou ao lado da mulher do primeiro-ministro japonês, que não saberia falar inglês, e Melania estava sentada ao pé do Presidente da Rússia, Vladimir Putin.

  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26