sicnot

Perfil

Escândalo Renault

Escândalo Renault

Escândalo Renault

Inspetores de combate à fraude fazem buscas na Renault

Inspetores franceses da área de combate à fraude realizaram buscas em instalações da fabricante de automóveis Renault. De acordo com uma fonte ligada a associação sindical, citada pela agência Reuters, estas investigações podem ter sido motivadas por suspeita de ligações ao escândalo das emissões de gases poluentes.

© Christian Hartmann / Reuters

"Houve buscas de investigadores a vários gabinetes da Renault na semana passada", revelou uma fonte sindical esta quarta-feira, especulando sobre eventuais ligações ao caso de emissões, indicou a agência Reuters.

"A administração não confirmou, mas tendo e conta os setores que foram alvo de investigação, pensamos que poderá haver uma ligação ao caso das emissões de poluentes", adiantou a mesma fonte.

A 18 de setembro foram conhecidos publicamente os resultados de testes a emissões poluentes de viaturas equipadas com motores diesel do grupo Volkswagen, concluindo-se pela existência de viaturas equipadas com um dispositivo que permite a manipulação de informação relativa a emissões poluentes, tendo o grupo alemão admitido a existência em todo o mundo de 11 milhões de carros nestas circunstâncias.

  • Temperaturas vão subir até 4ª feira

    País

    As temperaturas vão subir até esta quarta-feira, prevendo-se máximas entre os 22 e os 29 graus na generalidade do território, valores acima do normal para a época do ano, adiantou hoje a meteorologista Maria João Frada.

  • E agora?
    15:07
  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.