sicnot

Perfil

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volkswagen

Ações da Volkswagen caem 8% na abertura da bolsa de Frankfurt

As ações da Volkswagen (VW) iniciaram hoje a sessão a cair 8% na bolsa de Frankfurt depois de conhecidas novas irregularidades nos motores de alguns dos seus modelos e que podem significar custos milionários para o grupo.

Reuters/ Arquivo

A própria empresa admitiu na terça-feira que, além dos problemas conhecidos, detetou também "irregularidades" na certificação de emissões de gases de dióxido de carbono (CO2), que afetam cerca de 800.000 veículos do grupo.

Segundo informou o grupo VW num comunicado, no caso das investigações sobre os motores a gasóleo por acusações das autoridades ambientais dos Estados Unidos - centradas nas emissões de óxido de nitrogénio (NOx)-, também se detetaram dados irregulares de emissões de CO2.

Sem especificar as marcas ou modelos, o grupo VW acredita que este caso pode afetar 800.000 veículos, principalmente de motores a diesel.

Em setembro, depois do escândalo das emissões poluentes, que afetam 11 milhões de carros, a VW já anunciou uma provisão de 6.700 milhões de euros.

Lusa

  • Debate quinzenal com o primeiro-ministro

    País

    Dia de debate quinzenal na Assembleia da República, que deve ficar marcado pela saída de Portugal do Procedimento por Défice Excessivo. Veja aqui em direto e acompanhe a discussão no Minuto a Minuto SIC/Parlamento Global.

    Direto

  • Morreu Roger Moore

    Cultura

    O ator britânico Roger Moore, conhecido pelos filmes de James Bond e a série "O Santo", morreu hoje, na Suíça, na sequência de um cancro. Tinha 89 anos.

  • Lesados do Banif ouvidos pela PJ
    1:42

    Economia

    A Unidade de Combate à Corrupção está na Madeira para recolher depoimentos de lesados do Banif e é a primeira diligência da Polícia Judiciária depois de uma queixa apresentada por 100 ex-clientes do banco. Os ex-clientes falam de falsificação de documentos, burla e associação criminosa.

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.