sicnot

Perfil

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volkswagen

Vendas da Volkswagen caíram quase 25% em novembro nos EUA

As vendas da Volkswagen (VW) caíram 24,7% nos Estados Unidos em novembro, refletindo o impacto do escândalo das emissões poluentes, numa altura em que o resto da indústria atinge máximos de 2001.

(arquivo)

(arquivo)

Jae C. Hong / AP

O construtor alemão anunciou ter vendido 23.882 novos veículos no mês passado, contra 31.725 no mesmo período de 2014.

Esta queda deve-se, explica a VW, ao congelamento da venda de alguns modelos equipados com motores que, segundo as autoridades norte-americanas, permitiam falsificar os testes antipoluição.

As previsões de economistas e analistas apontavam para uma queda ainda maior, de 26,9%.

A descida da VW contrasta com as vendas de outros grandes grupos automóveis presentes no mercado norte-americano que atingiram no mês de novembro níveis que não se registavam desde 2001.

A General Motors, primeiro construtor norte-americano, vendeu, por exemplo, 229.296 veículos no mês passado (+2%) e a Toyota vendeu 189.517 (+12,4%).

Lusa

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • O Nokia 3310 está de volta
    1:16

    Economia

    A Nokia chegou a ser uma das maiores empresas do mundo devido ao fabrico de telemóveis. Caiu, mas acaba de fazer renascer um dos sucessos de vendas do início do milénio. O anúncio foi feito este domingo, em Barcelona.