sicnot

Perfil

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volkswagen

Autoridade da concorrência dos EUA apresenta queixa contra a Volkswagen

A autoridade da concorrência norte-americana apresentou hoje queixa contra o construtor automóvel alemão Volkswagen (VW) no caso da fraude com emissões poluentes.

O grupo alemão terá que chamar às oficinas cerca de 11 milhões de carros afetados pelo escândalo das emissões fraudulentas.

O grupo alemão terá que chamar às oficinas cerca de 11 milhões de carros afetados pelo escândalo das emissões fraudulentas.

© Steve Marcus / Reuters

Em comunicado, a autoridade da concorrência norte-americana (FTC, Federal Trade Commission) afirma que a VW mentiu aos consumidores através de campanhas publicitárias que promoviam os méritos dos veículos a diesel quando estes estavam equipados com um dispositivo que permitia manipular os testes de emissões poluentes.

A FTC pede à justiça que a VW tenha de dar uma compensação aos compradores dos veículos em causa entre 2008 e 2015 pelos danos sofridos.

Na queixa, é referido que "durante sete anos a Volkswagen mentiu aos consumidores tendo em vista a venda ou locação de mais de 550 mil viaturas a diesel com base em falsas afirmações, indicando que estas viaturas emitiam poucos gases poluentes, respeitavam o ambiente e estavam de acordo com as normas para emissões". A autoridade calculou o preço médio dos veículos em 28 mil dólares (cerca de 25 mil euros).

"A nossa queixa pretende obter uma compensação para os consumidores que compraram viaturas com base em práticas desleais e enganosas da Volkswagen", afirmou a presidente da FTC, Edith Ramirez, citada no comunicado.

Este escândalo foi denunciado nos Estados Unidos em setembro passado e o grupo alemão admitiu depois que mais de 11 milhões de veículos em todo o mundo estavam equipados com um dispositivo que permitia distorcer as emissões nos testes antipoluição.

Lusa

  • Portugal vai fechar fronteiras durante a visita do Papa

    País

    O Conselho de Ministros aprovou hoje a reposição temporária do controlo de fronteiras durante a visita do papa Francisco em maio a Fátima. A reposição do controlo de fronteiras decorrerá entre 00:00 de 10 de maio e as 00:00 de 14 de maio.

  • Descoberta nova espécie de tiranossauro

    Mundo

    Uma nova espécie de dinossauros predadores, um tiranossauro com uma forma incomum de evolução, foi descoberta por uma equipa internacional de cientistas, segundo um artigo científico hoje publicado pela revista Nature.

  • Juncker reprova com ironia apoio de Trump

    Brexit

    O Presidente da Comissão Europeia disse hoje com ironia que promoverá a independência do Ohio ou de Austin, no Texas, em relação aos Estados Unidos se o presidente Donald Trump continuar a incitar países europeu a seguirem o Brexit.

  • "Civis devem ser prioridade absoluta no Iraque", diz Guterres

    Mundo

    O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, chegou hoje ao Iraque para abordar a situação da ajuda humanitária, e pediu que a proteção dos civis seja a "prioridade absoluta" à medida que as forças iraquianas batalham para retomar Mossul.

  • Fomos conhecer o novo Samsung S8
    1:42