sicnot

Perfil

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volkswagen

Acordo da Volkswagen com clientes nos EUA ultrapassa os 13 mil M€

A Volkswagen chegou fechou um acordo com os clientes norte-americanos que vai custar ao grupo automóvel 14,7 mil milhões de dólares (13,3 mil milhões de euros), avança a Associated Press. Este acordo surge na sequências do escândalo falsificação dos dados de emissões de gases dos veículos a gasóleo da Volkswagen.

© Mike Blake / Reuters

Segundo o estabelecido, os donos de automóveis afetados pela fraude têm direito à reparação ou mesmo compra de um novo veículo. A Volkswagen compromete-se ainda ao pagamento de compensações.

O acordo alcançado nos Estados Unidos estará ainda a aguardar aprovação judicial, mas ao que tudo indica já estão delineados todos os pormenores, que serão anunciados esta quinta-feira.

Este será o acordo mais valioso de sempre de uma empresa automóvel nos Estados Unidos.

Também a Organização Europeia do Consumidor reclamou, ontem, à Volkswagen a atribuição aos proprietários europeus de veículos das mesmas indemnizações acordadas com os clientes norte-americanos.

"Os consumidores da União Europeia foram enganados da mesma forma que os condutores norte-americanos e, portanto, merecem o mesmo tratamento", afirma, num comunicado citado pela agência EFE, a associação que reúne 40 organizações de consumidores do continente europeu.

Segundo aquela organização, o fabricante automóvel alemão não respondeu às petições para indemnizar os proprietários europeus, pelo que serão tomadas medidas adicionais contra a empresa.

O grupo alemão já avançou que, em todo o Mundo, cerca de 11 milhões de carros terão sido afetados pela falsificação de emissões.

  • Passos explica porque se sentiu irritado com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o Presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas de que foi alvo.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.