sicnot

Perfil

Euro 2016

Euro 2016

Euro 2016

Fernando Santos quer manter série vitoriosa na Rússia apesar da ausência de Ronaldo

O selecionador Fernando Santos desvalorizou hoje as ausências de Cristiano Ronaldo e outros habituais titulares e garantiu que Portugal quer na Rússia iniciar a preparação para a fase final do Euro2016 de futebol com uma vitória.

ANATOLY MALTSEV

"Vamos começar a preparar o Euro2016. Vencemos os últimos sete jogos e estamos apurados para mais uma fase final e é o início de uma nova fase. Queremos jogar bem e ganhar todos os encontros. O Euro2016 começa agora", afirmou Fernando Santos.

O selecionador luso, que falava na conferência de imprensa do particular de sábado, em Krasnodar, considerou que a Rússia é um "adversário forte", mas mesmo assim Portugal vai fazer tudo para somar a sua primeira vitória de sempre nesse país.

"Vamos tentar defender bem quando não tivermos bola e atacar com criatividade para criarmos oportunidades junto à baliza adversária. O meu colega selecionador da Rússia [Leonid Slutski] fez um trabalho fantástico e estou convencido que será um excelente jogo", referiu o técnico.

Questionado sobre a ausência de Cristiano Ronaldo, Fernando Santos voltou a explicar que o capitão da seleção nacional não foi convocado apenas por "gestão" e lembrou que nomes com Ricardo Carvalho, Tiago, Danny e Ricardo Quaresma também ficaram de fora do jogo em Krasnodar.

"Jogadores como André André, João Mário e William Carvalho têm crescido muito e estão a confirmar o seu valor", exemplificou o selecionador, negando que vá aproveitar o jogo com a Rússia para fazer experiências.

Na mesma conferência de imprensa, Bruno Alves reforçou que Portugal quer vencer a Rússia, mesmo sendo um jogo 'amigável', num país onde viveu durante quatro anos, entre 2009 e 2013, quando representou o Zenit São Petersburgo.

"Vai ser muito bom rever seis colegas de equipa e outros jogadores que defrontei como adversário. É sempre especial voltar a um país que tão bem me recebeu. Vamos ter pela frente um adversário difícil e de qualidade. O mais importante é que possamos continuar no mesmo caminho que temos trilhado e sair de Krasnodar com uma vitória", afirmou o defesa central.

O encontro está agendado para as 17:00 (14:00 horas de Lisboa) e terá arbitragem do sérvio Milorad Mazic.

Três dias depois, a seleção lusa volta a jogar, desta vez no Luxemburgo, naquele que será último jogo da formação das 'quinas' no ano de 2015.

Lusa

  • António Costa evita perguntas sobre estágios não remunerados
    1:55
  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14