sicnot

Perfil

Euro 2016

Euro 2016

Euro 2016

França garante que segurança vai ser prioridade no Euro 2016

O secretário de estado do desporto francês, Thierry Braillard, disse hoje que a segurança será a maior prioridade para o Campeonato da Europa de futebol, que decorrerá em França entre 10 de junho e 10 de julho.

© Pawel Kopczynski / Reuters

"Seja nos estádios, nos alojamentos das 24 seleções ou nas fun zones, tudo está a ser feito para que toda segurança seja a ideal", garantiu Thierry Braillard, dois dias depois dos atentados em Bruxelas, que provocaram 31 mortos e 270 feridos, de acordo com o último balanço.

Em Marselha, que acolherá seis jogos do Euro2016, Braillard insistiu que a "segurança será a prioridade" da prova e que o risco terrorista já tinha sido considerado quando os responsáveis franceses começaram a trabalhar na organização.

O chefe da polícia de Marselha, Laurent Nunez, acrescentou que "o risco terrorista não era nada de novo" e que as preocupações vão também focar-se nas fun zones, onde são esperados, naquela cidade francesa, cerca de 680.000 adeptos.

Os atentados em Bruxelas foram reivindicados pelo grupo extremista Daesh, num comunicado em que ameaçou os países que combatem os jihadistas com ataques "mais duros e mais amargos".

O nível de alerta terrorista na Bélgica foi elevado para quatro, o máximo da escala.

Lusa

  • Bruno de Carvalho manda SMS aos jogadores em nome dos jogadores. Confuso?

    Desporto

    De acordo com a imprensa desta manhã, o presidente do Sporting Clube de Portugal terá enviado mensagens escritas aos jogadores com o seguinte texto "Obrigado presidente pelas felicitações. Ainda temos muito para conquistar juntos" e assinou com o nome do jogador a quem enviou a mensagem. Uma aparente reação ao facto de nenhum dos jogadores ter respondido às mensagens escritas por Bruno de Carvalho, com incentivos e elogios antes e depois da vitória do Sporting frente ao Boavista.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • Governo promete melhorar condições de 26 mil famílias
    1:23

    País

    O ministro do Ambiente explicou esta terça-feira, no Parlamento, as novas medidas para a habitação: reduzir os impostos para arrendamentos longos, melhorar as condições de 26 mil famílias e introduzir o arrendamento vitalício para maiores de 65 anos. Este é um investimento que vai chegar aos 1700 milhões de euros.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31
  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17