sicnot

Perfil

Euro 2016

Euro 2016

Euro 2016

Nani passa a ser o quarto mais internacional de sempre da seleção portuguesa

Nani somou hoje a sua 95.ª internacionalização no particular entre Portugal e Inglaterra, que serve de preparação para o Euro 2016, e tornou-se no quarto futebolista da história com mais jogos disputados pela seleção nacional, tendo ultrapassado Rui Costa.

PAULO CUNHA/LUSA

Com a titularidade no Estádio de Wembley, o extremo de 29 anos, que usou a braçadeira de capitão, passou definitivamente o antigo médio do Benfica e isolou-se no quarto lugar, ficando a 16 jogos de ultrapassar Fernando Couto, que é o terceiro.

Nani tinha igualado Rui Costa a 29 de março deste ano, num particular com a Bélgica (2-1), disputado em Leiria. Costa fez o seu último jogo pela seleção nacional a 4 de julho de 2004, na final do Europeu com a Grécia (0-1), no Estádio da Luz, em Lisboa.

Com apenas 19 anos, Nani estreou-se pela principal equipa de Portugal a 1 de setembro de 2006, num particular com a Dinamarca, em Brondby, que terminou com uma derrota, por 4-2. O jogador formado no Sporting fez o segundo golo da seleção nacional.

Cinco anos depois, o extremo alcançou a marca das 50 internacionalizações num jogo realizado em Zenica, perante a Bósnia-Herzegoniva (0-0), da primeira mão do play-off de acesso à fase final do Euro 2012.

Com o encontro de Londres, Nani ficou a cinco jogos de entrar no restrito grupo dos centenários, que é composto por Luís Figo (127), Cristiano Ronaldo (125) e Fernando Couto (110), podendo já alcançar esse feito no Euro 2016.

Em França, o jogador do Fenerbahçe vai disputar a quarta fase final da carreira, depois de ter estado presente no Euro 2008, Euro 2012 e Mundial 2014.

Além das 95 internacionalizações, Nani tem 18 golos marcados pela seleção nacional.

Lusa

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.