sicnot

Perfil

Euro 2016

Euro 2016

Euro 2016

Portugal continua a preparar final com Pepe em dúvida

A seleção portuguesa de futebol continua hoje a preparar a final do Euro 2016, frente à França, com mais um treino no Centro Nacional de Râguebi, em Marcoussis, com Pepe ainda em dúvida.

MIGUEL A. LOPES

No quartel general em França, Portugal tem uma sessão agendada para as 11:00 locais (10:00 em Lisboa), com os primeiros 15 minutos abertos aos jornalistas.

Antes, às 10:15 (9:15), terá lugar uma conferência de imprensa com um jogador da equipa das quinas.

A dois dias da decisão do Campeonato da Europa, mantém-se a dúvida quanto à utilização de Pepe, que falhou a meia-final com o País de Gales e o treino de quinta-feira devido a problemas musculares numa coxa.

Por outro lado, os 10 jogadores de campo titulares frente aos galeses deverão participar no apronto, depois de na véspera terem feito apenas trabalho de recuperação longe do relvado.

Na quarta-feira, em Lyon, Portugal venceu o País de Gales, por 2-0, com golos de Cristiano Ronaldo, aos 50 minutos, e de Nani, aos 53, e alcançou a segunda final da sua história, depois da presença na decisão de 2004, que culminou com uma derrota diante da Grécia, em solo luso.

Na final, a seleção portuguesa terá pela frente a anfitriã França, que na quinta-feira bateu a Alemanha, por 2-0, em Marselha, com dois golos do melhor marcador do torneio, Antoine Griezmann.

A final do Euro 2016 está marcada para domingo, às 21:00 (20:00), no Stade de France, em Saint-Denis.

Lusa

  • O dia que roubou dezenas de vidas em Pedrógrão Grande
    3:47
  • Metade dos moradores de Sandinha recusaram sair das casas
    3:14
  • Habitantes de Várzeas tentam regressar à normalidade
    2:48
  • Corpos da tragédia em Pedrógão guardados em camião de alimentos
    8:11

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Duarte Nuno Vieira, médico legista, esteve esta quinta-feira, na Edição da Noite, para comentar o que já foi feito e o que falta fazer em Pedrógão Grande, depois de ter sido atingido pelos incêndios. O presidente do Conselho Europeu de Medicina Legal defendeu que guardar os corpos das vítimas mortais num camião de alimentos foi uma "maneira de solucionar o problema da forma possível", visto que não há espaço no Instituto Nacional De Medicina Legal.

  • Johnny Depp sugere assassínio de Trump
    0:31