sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas

Donald Tusk condena ataques terroristas em Bruxelas

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, condenou hoje os ataques terroristas desta manhã em Bruxelas.

Virginia Mayo

"Estes ataques marcam um novo nível dos terroristas ao serviço do ódio e da violência", afirma Donald Tusk num comunicado em que se diz chocado com "a perda de várias vidas inocentes e os ferimentos provocados a muitas outras" pelas explosões no aeroporto de Zavantem e no bairro europeu da capital belga.

"As instituições europeias estão em Bruxelas graças à generosidade do Governo e do povo belgas. A União Europeia corresponde a essa solidariedade neste momento e vai cumprir o seu papel ajudando Bruxelas, a Bélgica e a Europa no seu conjunto a combater a ameaça terrorista que todos enfrentamos", afirma.

Pelo menos 21 pessoas morreram hoje em explosões no aeroporto de Zaventem e na estação de metro de Maalbeek, em Bruxelas, informou um porta-voz dos serviços de emergência.

A imprensa local cita relatos de uma explosão numa outra estação de metro, Schuman, mas essa informação não foi confirmada até ao momento.

Lusa

  • Depois do Fogo
    0:25

    Reportagem Especial

    Uma semana depois do incêndio de Pedrogão Grande são muitas as histórias de perda e de sobrevivência, mas também de solidariedade de pessoas anónimas, que não dormiram durante dias a fio, para apoiar na logística do difícil combate ao incêndio florestal mais mortífero de que há memória. Depois do Fogo, hoje no Jornal da Noite.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.