sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas

Rede responsável pelos ataques de Bruxelas e Paris em vias de ser destruída

A rede de jihadistas responsável pelos ataques de Paris e de Bruxelas está em processo de ser destruída, mas outras mantém-se, avisou hoje o presidente da República de França, François Hollande.

© Gonzalo Fuentes / Reuters

"Temos alguns resultados na procura dos terroristas e, tanto em Bruxelas como em Paris, tem havido uma série de detenções e sabemos que há outras redes", disse Hollande.

Acrescentou que a rede responsável pelos ataques nas duas cidades está em processo de ser destruída, mas deixou o aviso de que "ainda há uma ameaça elevada".

A polícia francesa deteve Reda Kriket, 34 anos, em Paris, na quinta-feira, e acusou-o de estar a planear um ataque, em estado bastante avançado, e de ter ligações a Abdelhamid Abaaoud, o suspeito de ser o cabecilha dos ataques, a 13 de novembro, na capital francesa.

Outros três homens foram presos na sexta-feira por ligações ao plano de Reda Kriket, adiantou o procurador belga.

"E assim a Síria é o nosso primeiro objetivo. Nem esquecemos o Iraque. E não esquecemos a questão dos refugiados. Desejamos assegurar que o direito ao asilo é totalmente respeitado e, ao mesmo tempo, que conseguimos controlar as nossas fronteiras externas", acrescentou o presidente francês.

Lusa

  • Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já têm cadastro
    1:59

    Crise no Sporting

    Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já foram condenados por 22 crimes que cometeram no passado, mas nunca nenhum deles cumpriu pena de prisão ou prisão domiciliária. O juiz decretou a prisão preventiva na sequência das agressões à equipa do Sporting por entender que se tratou de um comportamento chocante, terrorista e a perversão do espírito desportivo.

  • Está a pensar ir à praia? Não se esqueça do guarda-chuva
    0:43
  • Abate de animais nos canis proibido a partir de setembro
    1:35

    País

    O abate de animais nos canis passa a ser proibido a partir de setembro. Só em 2017, foram mortos cerca de 12 mil cães e gatos, uma média de um abate por hora. O Governo lançou um programa de incentivos financeiros de um milhão de euros, que ainda está a decorrer.

  • Cabazes solidários oferecidos pelo Governo encontrados no lixo
    0:57
  • Colheita da cereja já arrancou no Fundão
    1:54

    País

    A colheita das primeiras cerejas da época já começou no Fundão. A campanha atrasou um mês em relação a anos anteriores, por causa do inverno que se prolongou, mas os produtores garantem que o fruto é de qualidade.