sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas

Dois dos detidos na investigação dos atentados de Bruxelas foram formalmente acusados

A investigação aos atentados de Bruxelas avançou hoje com a acusação de dois homens, um dos quais será o suspeito que está de chapéu preto nas imagens da câmaras do aeroporto de Zaventem.

Alastair Grant

O procurador federal da Bélgica informou hoje que os dois homens detidos na quinta-feira foram acusados de estarem ligados aos ataques terroristas de 22 de março. Os dois homens são Fayçal Cheffou e Aboubakar A.

O juiz de instrução acusou Cheffou de participar em atividades de um grupo terrorista, assassinatos terroristas e tentativa de assassinatos terroristas.

De acordo com a imprensa belga o homem tinha sido identificado como o terceiro dos atacantes do aeroporto internacional de Bruxelas numa ação de reconhecimento visual pelo taxista que levou o comando terrorista para o aeroporto.

A procuradoria não confirmou oficialmente a informação e espera as provas de ADN, que se farão a partir de elementos no táxi e na mala com explosivos que não rebentou. Na casa do suspeito não foram encontradas nem armas nem explosivos, segundo as autoridades.

Aboubakar A. é acusado de participar em atividades de um grupo terrorista. É um dos dois indivíduos capturados na quinta-feira, quando o seu veículo saiu da estrada circular de Bruxelas em direção a Jette, no norte da capital.

As investigações demonstram que há vínculos claros entre os atentados de 13 de novembro do ano passado em Paris e os de terça-feira em Bruxelas, como revela a participação nestes de Najim Laachraoui, um dos suicidas do aeroporto de Zaventem, que também terá sido o artífice dos comandos na capital francesa.

Não se sabe ainda se há ligação também entre a célula de Bruxelas e a tentativa abortada de atentado em Argenteuil, na periferia de Paris, há dois dias, embora os investigadores a admitam. O homem detido na sexta-feira em Bruxelas depois de ser baleado numa perna estará ligado ao caso francês.

As três explosões registadas na terça-feira em Bruxelas - duas no aeroporto internacional de Zaventem e uma na estação de metro de Maelbeek, junto às instituições europeias, no centro da capital belga -- fizeram pelo menos 31 mortos e cerca de 340 feridos, segundo o último balanço provisório.

Os ataques foram reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI).

Lusa

  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espirito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espirito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Mais de 60% dos jovens não usam preservativo e 1/4 acredita que SIDA transmite-se pelos talheres
    1:42
  • Há mais um suspeito do massacre de Las Vegas 
    0:27

    Mundo

    Em outubro passado, Stephen Paddock abriu fogo sobre os espetadores de um concerto de música country, em Las Vegas, matando 58 pessoas e ferindo quase 500, no mais sangrento tiroteio da história norte-americana recente. A novidade é que a polícia federal dos EUA abriu uma investigação sobre um segundo suspeito no tiroteio. A Polícia Metropolitana disse que não há ainda um motivo para o tiroteio mas aponta como uma das possíveis razões o facto de Stephen Paddock ter perdido uma grande quantia de dinheiro. Os investigadores descobriram ainda que o atirador possuía pornografia infantil no seu computador.