sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas

Atentados em Bruxelas

Atentados em Bruxelas

Alegados grupos de extrema-direita perturbam homenagens em Bruxelas

As autoridades belgas carregaram hoje sobre um grupo de elementos suspeitos de serem de extrema-direita no centro Bruxelas, depois de momentos de tensão com as pessoas que foram prestar homenagem às vítimas dos atentados.

© Yves Herman / Reuters

"Os fascistas é que são terroristas", "não quero fascistas no meu bairro", foram algumas das palavras de ordem das pessoas contra um grupo de elementos vestidos de preto que se aproximou das baias de proteção da zona da Bolsa, onde surgiu um memorial espontâneo de homenagem às vítimas dos atentados de terça-feira.

Cerca das 15:30 (14:30 em Lisboa), grupo aproximou-se da zona fechada à circulação e foi desmobilizado pelas autoridades belgas, disparando canhões de água sobre aqueles elementos, de cabelo curto e vestidos de negro, sem qualquer símbolo partidário.

Naquele período, o grupo atirou latas de cerveja e garrafas contra as pessoas que já estavam no local, em homenagem às vítimas dos atentados.

Para o local estava agendada hoje a "Marcha contra o Medo", às 14:00 locais, que foi desconvocada após um apelo das autoridades, mas a população e turistas continuaram a dirigir-se para o local onde estão depositadas flores, velas e mensagens em prol da paz.

O grupo foi empurrado pelas autoridades em direção à Gare do Norte e, no caminho, cometeram pequenos atos de vandalismo, derrubando vasos e caixotes de lixo.

Última atualização 14:55

Lusa

  • Benefícios fiscais trouxeram a Portugal 10 mil estrangeiros em 2015

    Economia

    Os benefícios fiscais em Portugal atraíram mais de 10 mil estrangeiros no ano passado. A maioria vem com o estatuto de residente não habitual, que dá isenção total de IRS aos reformados por dez anos e 20% de isenção no imposto para profissionais que estiverem ligados a atividades de valor acrescentado como Psicologia, Investigação ou Medicina.

  • Trump e os jornalistas: uma relação (su)rreal
    2:08
  • Novo campo de refugiados construído em Mossul

    Mundo

    Um novo campo de refugiados foi construído em Mossul, no Iraque. Com cerca de 4 mil tendas, foi construído durante 45 dias para albergar os deslocados que se prevê que aumentem com a atual ofensiva militar na zona ocidental da cidade.